Menu
Busca terça, 21 de janeiro de 2020
(67) 99647-9098
Perkal Topo - janeiro-20
Geral

Aeroporto da capital movimentou 595,6 toneladas de produtos no primeiro semestre

A quantidade representa alta de 6,3%, se comparado ao mesmo período de 2018

22 julho 2019 - 15h51Joilson Francelino, com informações da assessoria

O Terminal de Logística de Carga (Teca) do Aeroporto Internacional de Campo Grande registrou alta de 6,3% na movimentação de cargas no primeiro semestre deste ano em comparação com o mesmo período de 2018. Foram movimentadas 595,6 toneladas (t) em produtos enquanto que, no mesmo período em 2018, foram 560,4 t.

Os principais itens processados pelo complexo logístico sul-mato-grossense são confecções/têxteis e materiais químico-farmacêuticos, com destaque para o setor de importações, que movimentou 593,4 t nos seis primeiros meses do ano. Os principais destinos das mercadorias foram Chile e Espanha.

O superintendente do aeroporto, Richard Aldrin Fernandes Custodio, explica que o resultado positivo se deve a fatores como o trabalho efetivo da Infraero com os parceiros do comercio exterior no estado do Mato Grosso do Sul. “A parceria na prospecção e apoio ao comercio exterior entre Infraero e Associação Comercial e Industrial de Campo Grande (ACICG), Federação das Indústrias do Mato Grosso do Sul (FIEMS), Governo do Estado e órgãos anuentes tem dado um resultado muito positivo ao desenvolvimento do setor”, destacou.

Inaugurado em 2009, o Teca de Campo Grande tem área total de 1.152,99 m², sendo 475,89 m² de área coberta, trabalha com importação e exportação. terminal está totalmente alfandegado, e processa média de 93 toneladas por mês. Conta também com Câmara Frigorífica e empilhadeiras para até 7 toneladas, além de cofre.

Prestadora de serviços

A Infraero, além da gestão e operação de Terminais de Logística de Carga, vem atuando em consultoria, serviços e diagnóstico logístico com o objetivo de proporcionar melhores soluções logísticas aos mais diversos segmentos e regiões do Brasil. Governos estaduais, municipais e distrital, além de entidades representativas da indústria e comércio são algumas das entidades que vem buscando realizar parcerias com a estatal na busca de maior eficiência logística para suas empresas e afiliadas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Nova diretoria do Sindifisco define metas
Geral
Homem procura por familiares em Mato Grosso do Sul
Geral
Engenheiro morre em acidente com caminhonete e locomotiva
Geral
Ajude: Operação Acolhida faz campanha de doações na capital
Geral
Reinaldo declara situação de emergência devido a chuvas intensas
Geral
Produtos de higiene e limpeza variam até 222% em supermercados
Geral
Vídeo - "Ela é transtornada", diz missionária que agrediu sogra
Geral
Homem comete suicídio na “Via Park”
Geral
Assassino de florista está sob escolta na Santa Casa aguardando transferência
Geral
Sesau abre incrições para curso gratuito de manipulação de alimentos

Mais Lidas

Brasil
Embraer mantém férias coletivas de funcionários por mais três dias
Geral
Nova diretoria do Sindifisco define metas
Geral
Homem procura por familiares em Mato Grosso do Sul
Cidade
Programa da prefeitura se destaca no país após premiação