Menu
Busca segunda, 01 de junho de 2020
(67) 99647-9098
Geral

Agência de Metrologia fiscaliza produtos natalinos pré medidos

13 dezembro 2010 - 16h18
A Agência Estadual de Metrologia de Mato Grosso do Sul (AEM/MS), órgão delegado do Inmetro, continua nesta semana a Operação Especial de Natal. Desta vez, os produtos pré-medidos relacionados ao fim de ano serão fiscalizados para analisar se o peso e volume correspondem ao indicado na embalagem. Os agentes do órgão percorrerão estabelecimentos comerciais de Campo Grande para fiscalizar produtos como panetones, uvas passas, ameixas, castanhas etc. No local, os fiscais realizam o pré-exame nos produtos e os que apresentam indícios de irregularidades são coletados e transportados até o Laboratório de Pré-Medidos da AEM/MS para perícia. Os fabricantes são notificados para acompanhar os ensaios e se constatada a irregularidade, os mesmos são autuados e têm prazo de dez dias para apresentar defesa. Ouvidoria - Os consumidores que suspeitarem do peso dos produtos podem denunciar pelo telefone 0800 67 52 20. Fonte: MS Notícias

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Mapa do Feminicídio é lançado nesta segunda e mostra dados alarmantes
Geral
Detran volta a aplicar exames práticos e teóricos no interior do MS
Geral
Governo de MS cria comitê para planejar retomada pós pandemia
Geral
Dois ganhadores da Nota MS Premiada levarão R$ 50 mil, cada
Geral
Mães menores de idade já podem pedir auxílio emergencial
Geral
Caixa libera saques e transferências da 2ª parcela para nascidos em fevereiro
Geral
Familiares de vítima do coronavírus lamentam enterro sem despedida na capital
Geral
Balada não seguiu normas de segurança, mostra vídeo de leitor
Geral
Riedel sinaliza que objetivo agora é a Lei Kandir
Geral
Sorteio da Nota MS Premiada ocorre neste sábado

Mais Lidas

Brasil
Mandetta quer mudar ou sair de "quarentena"
Cidade
Grupo antifascista organiza protesto em Campo Grande
Geral
Mapa do Feminicídio é lançado nesta segunda e mostra dados alarmantes
Polícia
Fábio Trad usa as redes para apoiar manifestações de torcidas contra Bolsonaro