Menu
Busca terça, 27 de julho de 2021
(67) 99647-9098
Senai - EAD_senai_tecnico
Geral

Agepan vai vistoriar quase dois mil veículos do sistema intermunicipal

Vistoria vai abranger todos os veículos da frota do serviço intermunicipal, incluindo as linhas regulares e o fretamento

17 fevereiro 2019 - 10h50Assessoria

A Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos (Agepan) deu início a uma ampla campanha de vistoria que vai abranger todos os veículos da frota do serviço intermunicipal, incluindo as linhas regulares e o fretamento. Ônibus e micro-ônibus das concessionárias e dos operadores autônomos e das empresas que fazem fretamento eventual (em geral, turístico) e fretamento contínuo (de trabalhadores e universitários) serão checados na Operação.

A iniciativa não exclui o cumprimento da vistoria semestral obrigatória prevista no regulamento do sistema intermunicipal, ou a responsabilidade da oferta do serviço com todas as garantias – incluindo as condições adequadas do veículo – prevista na legislação da concessão de serviço público.

As vistorias veiculares começaram semana passada, com a checagem de micro-ônibus (vans) das duas cooperativas que agregam operadores autônomos autorizados a operar as linhas regulares de forma complementar. Os trabalhos chegaram às concessionárias, com vistorias no terminal rodoviário de Campo Grande.

O diretor de Transportes, Rodovias e Portos da Agepan, Ayrton Rodrigues, explica que essa Campanha inédita tem dois focos principais. O primeiro é a checagem de regularidade da estrutura básica de segurança necessária para o dia a dia da prestação do serviço.  “A presença de extintores, condições de para-brisa, sinalização e equipamentos de saídas de emergência, uso de pneus corretos, e eventual existência de incorreções mecânicas aparentes são alguns dos itens do nosso check-list”, exemplifica. Já no primeiro dia, a campanha identificou e determinou correção em um micro-ônibus cujo engate do reboque utilizado como bagageiro estava acoplado com material inadequado.

O segundo foco é a comprovação da regularidade do seguro para o passageiro. Independente do seguro DPVAT, os viajantes do transporte público intermunicipal precisam estar cobertos pelo seguro de Responsabilidade Civil Obrigatória, que tem valor e garantias muito maiores. Não se trata de um serviço que o passageiro precise comprar junto com o bilhete, mas uma obrigação automática do transportador. “Vamos checar a existência da apólice do seguro e se está tudo válido, com pagamentos em dia, por exemplo”, explica.

Ao todo, a campanha de vistoria vai abranger cerca de 1.900 veículos, incluindo os 600 das linhas regulares (dos quais 54 são de operadores autônomos) e em torno de 1.300 veículos utilizados no fretamento em geral.

Cruzeiro do Sul - 44 anos

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
'Queima controlada' no Pantanal está suspensa até 30 de outubro
Geral
Prefeitura convoca aprovados para atuar no “Programa Criança Feliz”
Geral
Implante sem corte e sem dor técnica diferenciada é aplicada na capital
Geral
Vídeo: “Casado me deito, com chifre me levanto”, corno flagra traição da esposa
Geral
Procon Estadual alerta sobre golpes de falsos entregadores
Geral
Com salário de R$ 3 mil, inscrições para o concurso do Banco do Brasil terminam amanhã
Internacional
Homem é preso enquanto 'namorada' de 12 anos da à luz em hospital
Geral
Após quase 18 meses, GCM retorna com rondas nas escolas municipais
Brasil
Vídeo: 'Corno escandaloso' descobre traição e faz barraco em estacionamento
Geral
Receita Federal leiloa vibrador e masturbador com lance mínimo de R$ 260

Mais Lidas

Polícia
Homem enforca familiar após piada com derrota do São Paulo para o Flamengo
Polícia
Nem após cometer suicídio jovem escapa de assalto no Jardim Noroeste
Cidade
Foi selecionado? Prefeitura convoca aprovados em dois processos
Geral
Homem fuma maconha, escala montanha e cai de altura de 12 metros; veja vídeo