Menu
Busca domingo, 05 de julho de 2020
(67) 99647-9098
Geral

Ato público contra a liberação do cultivo de cana no Pantanal

Acontece no dia 12 um ato público contra a decisão presidencial que liberou plantio de cana no Pantanal e na Amazônia

11 novembro 2019 - 18h41Marya Eduarda Lobo, com informações da assessoria

Será realizado um ato público contra o decreto presidencial do dia 5 desse mês que liberou plantio de cana no Pantanal e na Amazônia, nesta terça-feira (12), dia do Pantanal e data dos 14 anos da imolação do ambientalista Francisco Anselmo dos Santos, o Francelmo.

O encontro acontecerá em frente ao memorial dedicado ao ambientalista Francelmo, na rua Barão do Rio Branco, entre as ruas 13 de Maio e a 14 de Julho, às 9h30.

Além de protestar contra a decisão presidencial de liberar o cultivo da cana no Pantanal, o ato público também relembra a luta das várias gerações contra esta prática que teve um momento de comemoração com a proibição em 2009 com um decreto presidencial, mas que foi derrubado no dia 5.

Uma nova luta se inicia contra esta ameaça ao bioma e também de preservação da imagem do Brasil no exterior. O coordenador da Frente Parlamentar de Vereadores Ambientalistas, vereador por Campo Grande, Eduardo Romero (Rede), destaca que o Pantanal não tem aptidão para o cultivo da cana e muito menos para implantação de usina sucroalcooleira e que sua vocação é para outras atividades já desenvolvidas na região.

O parlamentar ainda destaca que não faltam terras para ampliar as fronteiras agrícolas e que a cana não precisa ser levada para o Pantanal, mesmo sob o argumento de que é preciso dar subsídio para o setor de açúcar e álcool no País.

Totem_Alcool Gel

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Vídeo: batida entre motos nas Moreninhas deixa jovem gravemente ferido
Geral
Câmara convida Mandetta para falar sobre pandemia
Geral
Acumulou! Mega-Sena deve pagar R$ 33 mi no sorteio na quarta-feira
Geral
De tornozeleira, Sara Winter faz unha e cabelo em casa
Geral
Caixa conclui hoje depósitos do auxílio de R$ 600 para 6,5 milhões
Geral
Novo sistema de satélite permite monitorar desmatamento em tempo real
Geral
Bolsonaro sobrevoa áreas afetadas por ciclone em Santa Catarina
Geral
Caixa volta hoje a realizar sorteios da Loteria Federal
Geral
Salário de servidores públicos estaduais já está disponível para saque
Geral
Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 27 mi neste sábado

Mais Lidas

Saúde
Entenda porque exercícios físicos na quarentena talvez não seja tão bom assim
Polícia
Dezenas de presos fogem de cadeia na madrugada
Polícia
Fugindo de "tribunal do crime", homem invade casa e se tranca no banheiro
Geral
Vídeo: batida entre motos nas Moreninhas deixa jovem gravemente ferido