Menu
Busca quinta, 21 de fevereiro de 2019
(67) 99647-9098
Geral

Beneficiários de programas sociais podem requerer tarifa social em conta de energia

Muitos inscritos em projetos assistenciais desconhecem que podem pagar valores mais baixos pela energia elétrica

13 fevereiro 2019 - 08h30Rayani Santa Cruz, com assessoria

Beneficiários dos programas sociais do Governo do Estado, como Vale Renda e Rede Solidária, estão aptos a participar da Tarifa Social Energisa, um programa que beneficia um grupo de clientes, reduzindo o valor da conta de luz. Muitos inscritos em projetos assistenciais desconhecem essa possibilidade de pagar valores mais baixos pela energia elétrica.

Os descontos na fatura podem chegar a 65%, variando conforme o consumo. Quanto menor o consumo de energia elétrica, maior a dedução. Conforme a Energisa, atualmente em Mato Groso do Sul estão cadastrados 121.497 clientes na Tarifa Social.

Os critérios para garantir a tarifa social da energisa estão em concordância com outros programas. Para o Vale Renda, por exemplo, a família deve ter renda per capita inferior ou igual a meio salário mínimo. O mesmo acontece com famílias que participam do Rede Solidária.

Outros beneficiários da Tarifa Social da Energisa são famílias inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal com renda mensal, por pessoa, menor ou igual a meio salário mínimo, ou com até três salários mínimos – nesse caso a renda vale para portadores de doença ou deficiência, que para o tratamento necessitam do uso continuado de aparelhos e, assim, o consumo constante de energia elétrica.

Também são contempladas pelo programa as famílias do Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social (BPC) e famílias indígenas e quilombolas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Em audiência, Energisa diz "que não houve aumento de tarifa e sim de consumo"
Geral
Deputados voltam a debater "cota zero"
Geral
Reinaldo será entrevistado na Globo News nesta quinta
Geral
Prefeitura entra na luta pela causa animal
Geral
Reforma pode sofrer alterações no Congresso, diz Major Vitor Hugo
Geral
Lei Anticrime será debatida em audiência na OAB/MS
Geral
Sistema do Detran-MS está fora do ar nesta quarta-feira
Geral
Em entrevista, Longen se diz "a disposição de qualquer controle"
Geral
Maior superlua do ano poderá ser vista esta noite
Geral
UPA Coronel Antonino recebe novas cadeiras e macas

Mais Lidas

Geral
Imagens fortes: Mulher perde 80% do lábio inferior após ser mordida em briga
Polícia
Depois de sair de festa, jovem morre ao capotar veículo no centro
Polícia
No centro, homem tenta fotografar partes íntimas de mulher
Polícia
Mulher é espancada após negar manter relações sexuais com marido