Menu
Busca quarta, 20 de março de 2019
(67) 99647-9098
Geral

Carrefour é autuado por vender produtos vencidos

No supermercado havia também mercadorias impróprias para cosumo

14 dezembro 2018 - 10h15Da Redação com Assessoria

Um dos supermercados mais tradicionais da capital, o Carrefour, foi autuado pela Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon/MS), órgão ligado à Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast). Após denúncias realizadas, o Procon realizou uma ação de fiscalização e constatou diversas irregularidades que ferem o Código de Defesa do Consumidor. 

A equipe encontrou no supermercado produtos com prazo de validade vencido, mercadorias impróprias para consumo por estarem com embalagens violadas ou amassadas, e divergência de preços divulgados nas gôndolas e registrados nos caixas.

Dos produtos com data de validade vencida foram 40 pacotes de feijão carioquinha, com um quilo cada, um pacote de arroz especial e dois sachês de  molho de tomate. Além destes foram encontrados também 25 embalagens de macarrão instantâneo com prazo expirado em 6 de novembro passado.

Impróprios para consumo estavam expostos milho em conserva, massa de tomate e macarrão instantâneo. Foram encontrados também produtos sem qualquer especificação de procedência, prazo de validade ou ingredientes que o compõem. Registrado ainda, 48 produtos com divergência  de preços entre a gôndola  e os caixas. Todo o material irregular foi descartado em presença de representantes do supermercado, que foi autuado.

O superintendente do Procon alerta o consumidor para não se descuidar de detalhes importantes na hora de adquirir produtos para consumo. “É muito importante ficar atento a prazos, especificações e preços, principalmente nesta época em que há aumento do movimento nos estabelecimentos comerciais”, observa.

A equipe do JD1.Notícias entrou em contato com assessoria da empresa que, por meio de nota declarou: "A rede informa que o fato é pontual e isolado e não condiz com as práticas da empresa". Esclarece que prontamente reforçou os procedimentos internos e orientações às suas equipes, em linha com o que determina a legislação, o Código de Defesa do Consumidor e a sua política de Segurança Alimentar. Reitera, ainda, seu compromisso com a qualidade dos produtos que oferece aos seus clientes.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Massacre em Suzano completa uma semana
Geral
Prefeito e governador entregam moradias no loteamento Bom Retiro
Geral
Drogasil e Drogaria São Leopoldo são autuadas pelo Procon
Geral
Superlua poderá ser vista hoje nas américas do Sul e Norte
Geral
Representantes de TV aberta discutem novas tecnologias na Fertel
Geral
DeMolay’s serão homenageados quinta-feira, na Assembleia
Geral
PSDB Mulher cobra posição da bancada feminina no Congresso
Geral
Três vítimas do massacre em Suzano continuam hospitalizadas
Geral
Ex-governador do Paraná, Beto Richa, é preso pela terceira vez
Geral
Mais de três toneladas de materiais são recolhidos em ação contra o aedes

Mais Lidas

Polícia
Orgia em motel vira caso de polícia
Polícia
Imagens fortes - Mais um é executado em menos de 24 horas na fronteira
Polícia
Vídeo - Um morre e outro fica ferido em execução na fronteira
Polícia
Adolescente é estuprada por quatro homens em Aquidauana