Menu
Busca sábado, 23 de outubro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS outubro21
Geral

Cinco rodovias de Mato Grosso do Sul terão obras no 1º semestre, após retomada de licitação

06 março 2012 - 11h52Reprodução

Neste primeiro semestre de 2012, cinco rodovias federais de Mato Grosso do Sul vão receber as ações da 2ª etapa do Programa de Conservação, Restauração e Manutenção das Rodovias Federais (Crema). Segundo o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), as intervenções serão realizadas nas BRs 163, 262, 060, 158 e 419.

Nesta terça-feira (6), foram retomados oito processos de licitação, suspensos há 49 dias e no valor de quase R$ 1 bilhão. Em nota oficial à imprensa, o Dnit informa que os prazos foram suspensos em janeiro para corrigir os dados dos editais referentes à parcela de Bonificação e Despesas Indiretas (BDI).

A partir de primeiro de fevereiro, o percentual de aplicação passaria de 27,84% para 26,70%. Porém, o prazo para aplicação do novo percentual foi adiado para primeiro de maio. Ainda segundo o Dnit, dois editais  (506 e 507) tiveram seus valores corrigidos, “devido a inconsistências encontradas no lançamento dos orçamentos”.

Os oito editais somam R$ 819 milhões. Os contratos do Crema 2ª etapa possuem a duração de cinco anos, sendo os três primeiros destinados aos serviços de restauração e recuperação e os dois últimos para conservação. As propostas serão abertas entre os dias 10 e 13 de abril.

No valor de R$ 91 milhões, a concorrência 506, será aberta no dia 10 de abril. Na mesma data, também serão recebidas propostas do edital 507, no total de R$ 125 milhões. No dia 11 de abril, serão abertas as licitações 508 (R$ 88 milhões) e 509 (R$ 122 milhões). No dia 12 de março, o Dnit abre as propostas para os editais 510, no valor de R$ 133 milhões, e 511, cujo total é R$ 43 milhões. Por fim, em 13 de abril, serão abertas as licitações 512 (R$ 37 milhões) e 513, que totaliza R$ 176 milhões, maior valor dentre os oito editais.

O comando do Dnit/MS é ocupado de forma interina pelo engenheiro Antônio Carlos Nogueira. O cargo estava vago desde 2 de janeiro, quando Marcelo Miranda foi exonerado em um processo disciplinar administrativo.

Unica - primavera

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Barco que naufragou no Rio Paraguai não tinha autorização para transporte turístico
Geral
Corpo de Bombeiros divulga balanço das operações do mês de setembro
Geral
Durante uso drogas, casal vai parar dentro de córrego no Nova Jerusalém
Geral
Mega-Sena deve pagar neste sábado R$ 26,5 milhões
Geral
Vídeo - Energisa terá até helicóptero para possível vendaval
Geral
Vídeo - "Seremos eficientes", garante Marquinhos sobre vendaval
Geral
Ministro do TSE fala sobre confiabilidade de urnas eletrônicas ao JD1 Notícias
Geral
Pfizer tem alta eficácia contra Covid em crianças, diz estudo
Geral
Depois da capital, Estado também decreta ponto facultativo dia 1° de novembro
Geral
Ao vivo: Corpo de Bombeiros fala sobre plano de prevenção para tempestade prevista no fim de semana

Mais Lidas

Clima
Áudio: Atenção - tabela do Inmet é real, não é fake
Clima
Vídeo: Força-tarefa está pronta para novo vendaval
Internacional
Alec Baldwin dispara com arma cenográfica e mata diretora de fotografia
Clima
Previsão de chuva com ventos assusta