Menu
Busca quarta, 21 de outubro de 2020
(67) 99647-9098
Governo/Dengue
Geral

Ciptran lança nova ferramenta de registro de acidentes

30 outubro 2010 - 08h41
A partir do dia 3 de novembro, os condutores envolvidos em acidentes de trânsito com danos materiais já poderão utilizar a nova ferramenta para registro de acidente. A novidade estará disponível na próxima semana no site da Polícia Militar: www.pm.ms.gov.br. Para facilitar o acesso à ferramenta, a Companhia Independente de Polícia Militar de Trânsito (Ciptran) fará o lançamento desse novo link no auditório da Companhia às 9 horas no dia 3 (quarta-feira). De acordo com o comandante da Ciptran, major Alírio Vilassanti, a intenção do lançamento é orientar a população de como utilizar a nova ferramenta para registro do acidente. “Vamos lançar na próxima semana, para mostrar o passo a passo de como será feito o registro”, afirma o major. O comandante da Companhia explica ainda que o objetivo da nova ferramenta é facilitar a vida da população. “Atualmente, os policiais que vão atender uma ocorrência de trânsito levam cerca de uma hora para preencher o boletim que é um documento complexo e detalhado. Essa nova opção proporciona maior comodidade, pois os condutores podem preencher em casa”, afirma o comandante. A nova medida poderá ser realizada por cada um dos envolvidos no acidente de trânsito. O condutor deverá estar munido da Carteira de Habilitação e documentos do veículo para que possa preencher os dados disponibilizados pela ferramenta. É importante lembrar que essa nova medida não abrange acidentes que envolvam crime de trânsito por embriaguez, homicídio culposo, lesão corporal, menores condutores e acidentes com veículos oficiais. De acordo com o major, além de facilitar e promover a comodidade da população, os dados da ferramentas poderão servir de parâmetros para a melhoria do trânsito na Capital. “Por exemplo, se há muitos acidentes em um mesmo local, a companhia terá acesso e poderá trabalhar nesses dados para a melhoria de sinalização, se esse for o caso”, observa o major. Os boletins de ocorrência nesse caso são usados para acionar a seguradora do veículo, e em caso de ação judicial, o documento pode ser usado como prova. Essa nova ferramenta será validada pela Companhia de Trânsito. Fonte: Midia Max
pax nacional

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Família duvida que Jaqueline morreu de coronavírus
Geral
Vídeo: Pastor Dionízio fala sobre imagem de "assédio"
Geral
Procon-MS alerta para golpe que usa aproximação para debitar cartões de terceiros
Geral
Vídeo: Onça que sofreu queimaduras no Pantanal é solta após tratamento
Geral
Mini apagão? “Piscada de luz” assusta campo-grandenses
Geral
Eleitor não é obrigado a levar o título na hora da votação, decide STF
Geral
Reconciliação ? Gusttavo Lima procurou Andressa Suita no fim de semana, diz site
Geral
Luan Santana faz homenagem emocionante para Jade após término
Geral
Energisa rebate Procon e fala em reclamações improcedentes
Geral
Pesquisa mostra falta de cerveja nas prateleiras dos supermercados

Mais Lidas

Cultura
Papa Francisco defende união civil entre homossexuais
Justiça
Carlos Contar é eleito presidente do TJ
Polícia
PMA autua homem por maus-tratos a dois cachorros em MS
Polícia
Ex-presidiário é encontrado com 300kg de maconha em Ponta Porã