Menu
Busca sábado, 07 de dezembro de 2019
(67) 99647-9098
TJMS Dezembro-19
Geral

Ciptran lança nova ferramenta de registro de acidentes

30 outubro 2010 - 08h41
A partir do dia 3 de novembro, os condutores envolvidos em acidentes de trânsito com danos materiais já poderão utilizar a nova ferramenta para registro de acidente. A novidade estará disponível na próxima semana no site da Polícia Militar: www.pm.ms.gov.br. Para facilitar o acesso à ferramenta, a Companhia Independente de Polícia Militar de Trânsito (Ciptran) fará o lançamento desse novo link no auditório da Companhia às 9 horas no dia 3 (quarta-feira). De acordo com o comandante da Ciptran, major Alírio Vilassanti, a intenção do lançamento é orientar a população de como utilizar a nova ferramenta para registro do acidente. “Vamos lançar na próxima semana, para mostrar o passo a passo de como será feito o registro”, afirma o major. O comandante da Companhia explica ainda que o objetivo da nova ferramenta é facilitar a vida da população. “Atualmente, os policiais que vão atender uma ocorrência de trânsito levam cerca de uma hora para preencher o boletim que é um documento complexo e detalhado. Essa nova opção proporciona maior comodidade, pois os condutores podem preencher em casa”, afirma o comandante. A nova medida poderá ser realizada por cada um dos envolvidos no acidente de trânsito. O condutor deverá estar munido da Carteira de Habilitação e documentos do veículo para que possa preencher os dados disponibilizados pela ferramenta. É importante lembrar que essa nova medida não abrange acidentes que envolvam crime de trânsito por embriaguez, homicídio culposo, lesão corporal, menores condutores e acidentes com veículos oficiais. De acordo com o major, além de facilitar e promover a comodidade da população, os dados da ferramentas poderão servir de parâmetros para a melhoria do trânsito na Capital. “Por exemplo, se há muitos acidentes em um mesmo local, a companhia terá acesso e poderá trabalhar nesses dados para a melhoria de sinalização, se esse for o caso”, observa o major. Os boletins de ocorrência nesse caso são usados para acionar a seguradora do veículo, e em caso de ação judicial, o documento pode ser usado como prova. Essa nova ferramenta será validada pela Companhia de Trânsito. Fonte: Midia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Energisa investe em projeto para economizar energia no Fórum de Corumbá
Geral
Secretário de Segurança Pública elogia Operação Boas Festas
Geral
Projeto poderá proibir corte de energia do consumidor
Geral
Saque do FGTS está liberado para nascidos em setembro e outubro
Geral
Mulher sofre lesões graves ao ser pisoteada por búfalos
Geral
Boletos do IPVA 2020 começam a ser entregues a donos de veículos
Geral
Fábio Trad homenagea APAE em sessão solene na Câmara
Geral
Chuva não interfere e aeroporto opera sem atrasos e cancelamentos nesta manhã
Geral
Bairros ficam sem luz e Energisa garante restabelecimento ainda hoje
Geral
Procon-MS autua shopping Bosque dos Ipês

Mais Lidas

Geral
Energisa investe em projeto para economizar energia no Fórum de Corumbá
Cidade
“Condomínio das Araras” no Parque dos Poderes vai parar em série da Ancine
Economia
Refis Natalino ultrapassa meta e arrecada mais de R$ 15 mi
Economia
Dólar da trégua e tem queda semanal