Menu
Busca sexta, 17 de janeiro de 2020
(67) 99647-9098
Perkal Topo - janeiro-20
Geral

Ciptran lança nova ferramenta de registro de acidentes

30 outubro 2010 - 08h41
A partir do dia 3 de novembro, os condutores envolvidos em acidentes de trânsito com danos materiais já poderão utilizar a nova ferramenta para registro de acidente. A novidade estará disponível na próxima semana no site da Polícia Militar: www.pm.ms.gov.br. Para facilitar o acesso à ferramenta, a Companhia Independente de Polícia Militar de Trânsito (Ciptran) fará o lançamento desse novo link no auditório da Companhia às 9 horas no dia 3 (quarta-feira). De acordo com o comandante da Ciptran, major Alírio Vilassanti, a intenção do lançamento é orientar a população de como utilizar a nova ferramenta para registro do acidente. “Vamos lançar na próxima semana, para mostrar o passo a passo de como será feito o registro”, afirma o major. O comandante da Companhia explica ainda que o objetivo da nova ferramenta é facilitar a vida da população. “Atualmente, os policiais que vão atender uma ocorrência de trânsito levam cerca de uma hora para preencher o boletim que é um documento complexo e detalhado. Essa nova opção proporciona maior comodidade, pois os condutores podem preencher em casa”, afirma o comandante. A nova medida poderá ser realizada por cada um dos envolvidos no acidente de trânsito. O condutor deverá estar munido da Carteira de Habilitação e documentos do veículo para que possa preencher os dados disponibilizados pela ferramenta. É importante lembrar que essa nova medida não abrange acidentes que envolvam crime de trânsito por embriaguez, homicídio culposo, lesão corporal, menores condutores e acidentes com veículos oficiais. De acordo com o major, além de facilitar e promover a comodidade da população, os dados da ferramentas poderão servir de parâmetros para a melhoria do trânsito na Capital. “Por exemplo, se há muitos acidentes em um mesmo local, a companhia terá acesso e poderá trabalhar nesses dados para a melhoria de sinalização, se esse for o caso”, observa o major. Os boletins de ocorrência nesse caso são usados para acionar a seguradora do veículo, e em caso de ação judicial, o documento pode ser usado como prova. Essa nova ferramenta será validada pela Companhia de Trânsito. Fonte: Midia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Ajude: Enzo tem leucemia e 21 dias para comprar remédio de R$ 160 mil
Geral
Detran inicia primeiro leilão de 2020
Geral
Brasil registra mais de 200 ataques contra jornalistas em 2019, aponta relatório
Geral
Reinaldo lançará "pacotão de obras", resultado do Governo Presente
Geral
Dona de Alf quer justiça depois de sacrifício no CCZ, “sem autorização”
Geral
Valor de renovação de vistoria será reduzido em até 5 vezes
Geral
Colégio Adventista nega ter rejeitado aluno com síndrome
Geral
Agepen determina novas regras para visitação em unidades prisionais
Geral
Missa de 7º de Struck será nesta quarta, em Sidrolândia
Geral
Vídeo - Cão não aceita ficar no carro e buzina até ser "resgatado"

Mais Lidas

Cidade
Odilon Júnior participa de ato para regularização fundiária na “Favela do Linhão”
Economia
Campo Grande é campeã em novas empresas em 2019
Polícia
Quatro homens foram autuados em R$16 mil por exploração ilegal de madeira
Cidade
“Precisamos de eficiência para atrair grandes empreendimentos”