Menu
Busca segunda, 17 de fevereiro de 2020
(67) 99647-9098
tj ms topo
Geral

Deficientes físicos têm direito a desconto na compra do veículo

Eles também tem desconto no IPVA, se comprovarem que são impossibilitados de usar um veículo comum

20 janeiro 2019 - 07h50Da redação com assessoria

Os cidadãos com deficiências físicas ou doenças graves que têm direito a descontos sobre alguns impostos na compra de um veículo zero quilômetro – garantido pela lei nº 9.989, de 24 de fevereiro de 1995 – também têm descontos no pagamento do Imposto Sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). Para tanto, é preciso comprovar que estão impossibilitados de utilizar o modelo comum.

Os portadores de deficiência são dispensados do pagamento do Imposto sobre Produto Industrializado (IPI) – o que traz uma redução no valor inicial do veículo; da isenção de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS); e do Imposto sobre operações de crédito, câmbio e seguro, ou relativo a títulos mobiliários (IOF).

Para o Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), o abatimento do tributo é de 60%, relativo ao veículo automotor que se destine, exclusivamente, ao seu uso (Lei 1.810/1997 art. 154).

Para ter acesso ao desconto, o cidadão portador de deficiência precisa cumprir alguns requisitos. Devem ser apresentados os seguintes documentos:

Cópia do Laudo do Detran-MS que declara a deficiência do requerente ou Cópia de atestados do Sistema Único de Saúde (SUS) ou entidades conveniadas (Postos de Saúde do Estado ou Prefeitura), onde deva ser declarada por escrito a deficiência e não somente fazer menção à CID;

Cópia do documento do veículo em nome do deficiente. O beneficiário precisa se dirigir à Agência Fazendária (Agenfa) local, munido de laudo médico do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul (Detran-MS) para comprovar a deficiência física. Não são aceitos atestados de entidades particulares.

Uma vez deferido o pedido de redução, a secretaria informa que não há necessidade de o deficiente renovar o pedido anualmente, devendo procurar a Sefaz somente quando adquirir veículo novo. Contudo, o fisco estadual alerta que em caso de venda do veículo a terceiro que não possui deficiência, o veículo perde o benefício da redução de IPVA de 60%, a partir do mês em que ocorrer a venda.

Alíquotas

O desconto para deficientes é aplicado sobre o valor apurado do IPVA. Para encontrar o débito, o valor do Imposto é calculado sobre os preços médios de mercado do automóvel usado (valor venal), multiplicado por sua alíquota.

O valor de mercado é avaliado pela tabela da Fipe, elaborado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas . As alíquotas do IPVA são:

1,0% (um por cento)
relativo à primeira tributação, incidente sobre a propriedade dos veículos novos motorizados classificados na posição 8711 da NBM/SH, de cilindrada igual ou inferior a 150 cm³, adquiridos a partir de 1° de janeiro de 2018, de revendedores localizados no Estado de Mato Grosso do Sul.

2% (dois por cento)
caminhão com qualquer capacidade de carga;
ônibus, micro-ônibus para transporte coletivo de passageiros.
ciclomotor, motocicleta, triciclo e quadriciclo.

3,5% (três e meio por cento)
automóvel (carro de passeio), camioneta, camioneta de uso misto e utilitário.

O pagamento em dia do IPVA é de suma importância para a entrega das políticas públicas de Educação, Segurança Pública, Saúde, entre outras, uma vez que responde como a segunda fonte de arrecadação tributária do Governo do Estado, ficando atrás somente do ICMS.

Seu recolhimento é anual e o valor arrecadado, observados os percentuais previstos em lei, é rateado entre estado, o município onde o veículo foi licenciado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Sem acertos, Mega-sena acumula para R$ 170 mi
Geral
Heineken faz recall de garrafas que podem soltar lascas de vidro
Geral
Procon-MS realiza pesquisa para comparar preços de combustíveis
Geral
Vídeo - Colégio Militar de Campo Grande faz alerta sobre desafio da rasteira
Geral
Mega-Sena acumula e vai sortear R$ 120 milhões neste sábado
Geral
Estado e Município apostam na Nota Fiscal Premiada
Geral
Siqueira "justifica" crítica à PM
Geral
Em busca de informações sobre Bioceânica, asiáticos se reúnem com Marquinhos
Geral
Reinaldo e Toffoli falam sobre necessidade de forças federais na fronteira
Geral
Prefeitura covoca 34 candidatos aprovados em processo seletivo

Mais Lidas

Geral
Sem acertos, Mega-sena acumula para R$ 170 mi
Polícia
Homem com ciúmes corta pescoço da namorada com machete
Educação
Último dia para fazer a carteirinha de estudante digital
Polícia
Família procura por adolescente desaparecida há cinco dias