Menu
Busca terça, 28 de setembro de 2021
(67) 99647-9098
Gov - Estado que Cresce (set21)
Geral

Escola do Nova Lima terá salas de aula climatizada e tatame oficial de judô

Doação foi realizada pelo TRT-MS, por meio do Programa de Combate ao Trabalho Infantil e de Estímulo à Aprendizagem da Justiça do Trabalho

29 novembro 2018 - 16h59Da redação com assessoria

Com a quadra lotada de estudantes, pais, professores e autoridades, a Escola Estadual Lino Villachá, no bairro Nova Lima, em Campo Grande, ganhou nesta quinta-eria (29), 31 aparelhos de ar condicionado que garantirão climatização em todas as salas de aula, além de 40 quimonos e chinelos e uma área oficial de tatame para prática de judô.

A doação foi feita pelo Tribunal Regional do Trabalho da 24ª Região por meio do Programa de Combate ao Trabalho Infantil e de Estímulo à Aprendizagem da Justiça do Trabalho.

O gestor regional do programa, juiz Márcio Alexandre da Silva, afirma que o projeto tem como objetivo oferecer um atrativo para a criança continuar na escola, evitando o trabalho precoce e as más influências das ruas. "A Constituição Federal diz que o trabalho deve ser feito a partir dos 14 anos por jovens aprendizes. O Estado de Mato Grosso do Sul tem, atualmente, quase 10 mil vagas de emprego em aberto para adolescentes e jovens. São vagas já criadas, mas que ainda não foram preenchidas", destacou Márcio Alexandre.


Para o presidente do TRT/MS, desembargador João de Deus Gomes de Souza, o Poder Judiciário deve ampliar seu dever de dirimir conflitos trabalhistas e atuar de forma direta nos problemas sociais. "O juiz não é apenas aquele que está na sala de audiência e vai julgar o processo, condenando ou absolvendo. Nós temos que compartilhar as agruras com a sociedade e plantar uma semente para que possamos colher bons frutos no futuro", afirmou o magistrado.

A Escola Estadual Lino Villachá tem 1.270 alunos. Para participar das aulas de judô, oferecidas duas vezes por semana nos turnos matutino e vespertino, o estudante deve ter bom comportamento, frequência escolar e nota acima de 7. Hoje, 30 estudantes entre 9 e 17 anos fazem parte do projeto.

Além das doações, também foi inaugurado o ginásio poliesportivo que foi reformado com recursos do governo do Estado no valor de R$ 452 mil. A quadra ganhou acessibilidade, arquibancada e fechamento da estrutura. "Com 34 anos de existência, a escola não tinha recebido melhorias na área esportiva", falou o governador Reinaldo Azambuja.

“A obra ainda resolveu problemas da caixa d’água, dos banheiros, das fossas e das salas mais antigas”, agradeceu Mangolin. “Agora precisamos da troca do telhado do corredor central do pavilhão mais antigo da escola”, pediu o diretor. Atento, Reinaldo Azambuja disse que vai autorizar a obra. “Pode contar comigo”, afirmou.

Unica - inverno

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 10 milhões nesta terça-feira
Geral
Mulher é presa por matar e esquartejar o namorado com ajuda do filho dele
Geral
Vídeo: Geraldo "bota fogo no parquinho"
Geral
Muito além de doces, São Cosme e Damião levam alegria para crianças carentes
Geral
Foi convocado? Prefeitura chama merendeiros e veterinários aprovados em processo seletivo
Geral
Tribunal de Justiça retoma atendimento 100% presencial em outubro
Geral
Vídeo: Acidente entre carreta e carro de passeio mata duas pessoas na MS-376
Geral
Meses após perder filho em acidente, pai morre atropelado na mesma rodovia
Geral
Prefeitura libera lotação máxima nos ônibus da capital
Geral
Socorrista leva choque e morre enquanto resgatava vítimas de acidente

Mais Lidas

Brasil
Jovem tem dedo amputado após manutenção de unha de Acrigel
Vídeos
Vídeo: Com loirona na garupa da moto, homem quase apanha da esposa na rua
Polícia
Rapaz de 19 anos é preso após ser flagrado na cama com menina de 13 anos
Polícia
Morador de MS morre após carro cair de pontilhão em São Paulo