Menu
Busca quarta, 26 de fevereiro de 2020
(67) 99647-9098
tj ms topo
Geral

Fiscalização das cadeirinhas começa na próxima segunda

09 outubro 2010 - 08h00
A fiscalização para saber se os motoristas cumprem a regra para o transporte de crianças começa na próxima segunda-feira (11/10). Policiais da Ciptran (Companhia Independente de Policiamento de Trânsito) verificarão se os menores de 7 anos e meio são levados em bebês-conforto, cadeirinhas ou assentos de elevação, conforme prevê o Contran (Conselho Nacional de Trânsito). De acordo com o comandante da Ciptran, major Alírio Vilassanti, os policiais estarão concentrados em locais onde há mais crianças, como porta de escolas. Mesmo que na próxima segunda-feira seja feriado em comemoração à divisão de Mato Grosso do Sul, as equipes farão o trabalho. “Não tem porque adiar mais”, garante o comandante. A pedido da Associação Comercial de Campo Grande, a Ciptran adiou pela segunda vez o início da fiscalização. A medida foi adotada devido à falta de cadeirinhas e assentos nas lojas. Quem desrespeitar as regras da Resolução 277 do Contram comete, de acordo com o Código de Trânsito Brasileiro, infração gravíssima e terá como penalidade multa de R$ 191,54, sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação e a retenção do veículo até que a irregularidade seja sanada. Depois da primeira prorrogação do prazo para adequação, que seria em junho, foi revisto o ponto da lei para veículos antigos, com cinto de segurança de dois pontos. Nesses casos, o transporte de crianças de 4 a 7 anos e meio, está dispensado do uso do assento de elevação do banco traseiro e podem usar apenas o cinto abdominal. Pela lei, crianças de até sete anos e meio deverão ser transportadas obrigatoriamente no banco traseiro utilizando dispositivos de segurança. Segundo a norma, as crianças de até um ano de idade deverão ser transportadas no equipamento denominado conversível ou bebê conforto. Já entre um e quatro anos, é exigida a cadeirinha e de quatro a sete anos e meio devem ser usados assentos de elevação. De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro, as crianças até dez anos devem ser transportadas no banco traseiro. No caso da quantidade de crianças com idade inferior a dez anos exceder a capacidade de lotação do banco traseiro é permitido o transporte da criança de maior estatura no banco dianteiro, desde que utilize o cinto de segurança. Para veículos que possuem somente banco dianteiro também é permitido o transporte de crianças de até dez anos de idade com o cinto. Fonte: CG News
Jacarezão

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
PMA autuou 12 pessoas e prendeu duas durante o carnaval
Geral
Prefeitura realizará ação ambiental para coleta de resíduos eletrônicos
Geral
Contribuintes com IPVA de fevereiro atrasado ainda podem se regularizar
Geral
Vídeo - Avião monomotor cai no mar e piloto sobrevive
Geral
Atendimento nos órgãos públicos retornam às 13h desta quarta-feira
Geral
Reinaldo ressalta novo dado positivo sobre economia de MS
Geral
Chuva não muda funcionamento do aeroporto da capital nesta manhã
Geral
''Havia muito mais gente'', diz jornalista sobre carnaval de Corumbá
Geral
Aluno do Vale Universidade pode cumprir estágio aos finais de semana
Geral
Vídeo - "Senhor só fala merda", diz indígena a gestor da Funai

Mais Lidas

Geral
PMA autuou 12 pessoas e prendeu duas durante o carnaval
Clima
Defesa Civil emite alerta de chuvas e ventos fortes para a capital
Saúde
Fumacê passará em quatro bairros nesta quarta
Saúde
Assembleia realizará audiência com relatórios da saúde nesta quinta