Menu
Busca quarta, 12 de maio de 2021
(67) 99647-9098
TJMS - maio21
Geral

Fronteira com a Bolívia segue fechada em protesto por nacionalização de carros

18 agosto 2011 - 12h02Capital do Pantanal

O fechamento da fronteira entre a Bolívia e Mato Grosso do Sul prossegue nesta quinta-feira em Corumbá. Os bolivianos protestam desde ontem para que o governo reduza o valor cobrado para a nacionalização dos veículos que circulam pelo país com documentação irregular.

Nesta manhã, representantes do comitê cívico e instituições regionais se reúnem para definir se seguem com a paralisação.

De acordo com o Capital do Pantanal, a última manifestação com fechamento de fronteira ocorreu no dia 7 de julho, quando encerrou o prazo para cadastro veículos.

Os moradores desta faixa de fronteira alegam não ter condições de chegar a Santa Cruz para fazer a vistoria e pedem que o governo designe um órgão em Puerto Suarez ou Quijarro.

O processo de nacionalização dos veículos foi realizado entre maio e julho, regulamentando 10 mil veículos de uma frota estimada em 128 mil veículos, sendo a maioria produto de roubos e furtos.

Girafa

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Suzano terá mega fábrica em Rio Pardo
Geral
Mega-Sena sorteia hoje prêmio acumulado de R$ 27 milhões
Brasil
Cachorro arrasta corpo de recém-nascido carbonizado pela rua
Geral
Assembleia analisa projeto que prevê  intérpretes de libras em delegacias 
Geral
Estudo confirma presença de dinossauros em MS
Geral
Policial Militar salva bebê que se afogou com o leite materno
Geral
Visitas em presídios seguem suspensas até dia 26 de maio
Cidade
Aulas presenciais voltam dia 19 de julho em Campo Grande
Geral
JD1 e iPlace do Bosque dos Ipês sortearão kits com acessórios do iPhone
Geral
MS contrata banco por R$ 13,5 mi para emissão de cartões do 'Mais Social'

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio