Menu
Busca domingo, 20 de janeiro de 2019
(67) 99647-9098
PMCG Balanço super banner
Geral

Gabinete de crise investiga explosão na Usiminas em Ipatinga

Para promotor, há preocupação com danos às pessoas e ao meio ambiente

12 agosto 2018 - 12h14Da redação com Agência Brasil

A explosão de um gasômetro na Usiminas, em Ipatinga (MG), a 220 quilômetros de Belo Horizonte, levou à instauração de um gabinete de crise para apurar o acidente. O Ministério Público de Minas Gerais e representantes de órgãos ambientais se uniram para investigar a dimensão da explosão e os impactos sobre a natureza.

O promotor responsável pelo trabalho, Rafael Pureza Nunes da Silva, afirmou neste sábado (11) à Agência Brasil que um inquérito civil público será instaurado para verificar os danos ambientais. A ação será conduzida pela Promotoria de Justiça do Meio Ambiente de Ipatinga.

Segundo o promotor, foram feitas duas vistorias técnicas na região da Usiminas: uma ao longo do dia hoje e outra sexta-feira (10) à noite, depois que houve o acidente. De acordo com ele, ainda não há uma conclusão sobre as análises nem prazo para finalizar o trabalho.

“Não trabalhamos com prazos. Queremos verificar a dimensão do acidente e os danos causados ao meio ambiente e às pessoas. A nossa preocupação é avaliar todos os detalhes”, disse Rafael Silva.

O promotor esteve no Hospital Márcio Cunha, no qual os feridos foram atendidos. Também foi até o local da explosão e disse ter observado que todas as 34 vítimas foram socorridas e que a situação estava sob controle.

O gabinete de crise para investigar o acidente é coordenado pelo Ministério Público, mas conta também com representantes da  Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) de Minas Gerais, do Núcleo de Combate aos Crimes Ambientais (Nucrim) e do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça de Defesa do Meio Ambiente (Caoma).

A explosão em um dos quatro gasômetros da Usiminas ocorreu ontem, por volta das 12h40, segundo a empresa. A Usiminas informou que investiga as causas do acidente, assim como assegurou que as normas de fiscalização e conduta para a manutenção do sistema de gasômetros são seguidas pela empresa.

 

Sesc Novo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Sob efeito do álcool, afogamentos são comuns até para quem sabe nadar
Cidade
CCZ: agendamento para castração de felinos começa na segunda
Geral
Mais de dez cidades do interior não registraram homicídios em 2018
Geral
Deficientes físicos têm direito a desconto na compra do veículo
Geral
Estudante de medicina morre após parada cardiorrespiratória
Geral
Já são quase 400 presos por ataques no Ceará
Geral
Idoso atira na esposa e morre no Inferninho
Geral
Dupla com som do carro alto é autuada por poluição sonora
Geral
Morre aos 53 anos Marcelo Yuka, fundador d'O Rappa
Geral
Clubes paulistas se unem para atuar no combate à violência contra mulher

Mais Lidas

Geral
Idoso atira na esposa e morre no Inferninho
Clima
Temperaturas devem cair no fim de semana em todo o MS
Polícia
Ao tentar furtar carro, homem é linchado e amarrado por moradores
Geral
Estudante de medicina morre após parada cardiorrespiratória