Menu
Busca sábado, 23 de março de 2019
(67) 99647-9098
TJMS março-19
Geral

Homem mata cachorro a pauladas e se desculpa nas redes sociais

Apesar da confissão, eles não ficaram presos pois o fato aconteceu em setembro de 2018

23 janeiro 2019 - 18h14Marcos Tenório

Após um vídeo ser divulgado nas redes sociais, onde mostra um cachorro amarrado em uma árvore sendo espancado com um pedaço de pau, nesta segunda-feira (21), dois homens se entregaram à Polícia Civil de Divinópolis, Minas Gerais, suspeitos de matar o cachorro até a morte. Além da agressão, eles filmaram toda a ação e postaram na internet.

As imagens são fortes, nelas aparece o animal ganindo, enquanto apanha na cabeça com um pedaço de madeira. Depois, o cão aparece dentro da água lutando contra a correnteza e quando tenta sair do riacho leva uma paulada na cabeça. No vídeo é perceptível o animal boiando já sem vida devido a agressão.

Após o depoimento à polícia, os suspeitos foram liberados. Apesar da confissão, eles não ficaram presos pois o fato aconteceu em setembro de 2018. O crime de maus tratos contra animais prevê prisão de três meses a um ano, além de multa.

Arrependimento

O vídeo ganhou tanta repercussão que o suspeito gravou outro vídeo, agora se dizendo "arrependido" e  pedindo desculpas pelo ato cometido. De acordo com ele as agressões aconteceram em setembro do ano passado, mas só agora chegou às redes sociais. Ele também relatou que o cachorro tinha leishmaniose e que ia morrer de qualquer forma.

O agressor assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e o caso vai ser acompanhado pelo Ministério Público.

Sesc Novo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Mazzotti destaca combate a corrupção ao assumir o comando da PF
Geral
Despejo clandestino de esgoto nos córregos é combatido pela prefeitura
Geral
DOF apreende quase 400 caixas de narguilé
Geral
Estudantes distribuem mais de 200 mudas frutíferas
Geral
Combate ao aedes é intensificado em 12 bairros
Geral
Marcola, líder do PCC, é transferido para presídio federal em Brasília
Geral
Agora é Lei: assistentes sociais vão trabalhar 30 horas semanais
Geral
Saúde do trabalhador de enfermagem será debatida em audiência
Geral
Trabalhadores protestam contra reforma da Previdência
Geral
Leroy Merlin é autuada por divergência de preços

Mais Lidas

Oportunidade
JBS tem 30 vagas em Campo Grande
Polícia
Adolescentes desaparecidas são encontradas em SP
Geral
Trabalhadores protestam contra reforma da Previdência
Opinião
Contemporaneidade ou pré-julgamento?