Menu
Busca quarta, 19 de junho de 2019
(67) 99647-9098
Geral

Índia que interrompeu o próprio velório reencontra família

Ela teve a morte confirmada pela irmã que se enganou ao identificar o corpo por foto

30 janeiro 2019 - 09h50Rayani Santa Cruz, com G1

A índia Rosicléia Silva, que estava sendo “velada” por engano em uma aldeia de Dourados, reencontrou a família na aldeia Bororó na tarde de terça-feira (29). A irmã que havia reconhecido o corpo de Cristina Oliveira (outra indígena) como sendo de Rosicléia, confirmou o engano e disse que fez a identificação por foto e por isso cometeu o erro.

O caso inusitado chamou a atenção de todo o estado depois da divulgação. O corpo da vítima fatal estava no Instituto Médico Legal (IML), com diversos hematomas pelo corpo e face. Ao mesmo tempo familiares de Rosicléia a procuravam, pois, ela havia saído há dias da aldeia e aparentemente estava desaparecida.

Foi nesse período que Cleusa, irmã de Rosicléia, reconheceu o corpo errado por meio e uma foto e preparou o velório. Ela disse que confundiu porque o rosto estava machucado e porque a parente não dava notícias há dias.

Passado algumas horas, Rosicléia, descobriu sobre a confusão e ligou para a irmã, afirmando que estava viva, em meio ao seu próprio velório. 

Ao reencontrar a família Rosicleia disse que estava trabalhando em uma fazenda em Fátima do Sul, cidade próxima a Dourados. Ao saber do velório, correu para entrar em contato: "Foi um susto", relatou.

Investigação

Agora a polícia trabalha para saber o que ocasionou a morte de Cristina Oliveira, 48 anos. Ela morreu no último sábado (26), após passar uma semana internada sem receber a visita de parentes. Segundo a polícia, ela foi encontrada na rua, com traumatismo craniano, e o rosto muito machucado.

Prefeitura prestação de contas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Marquinhos lança campanha de vacinação para cães e gatos
Geral
Reinaldo vai aguardar texto final para aderir ao plano Mansueto
Geral
“Criminalização da homofobia pode gerar situações injustas”, diz Lídio Lopes
Geral
Shopping realiza sessão de cinema para crianças com distúrbios sensoriais
Geral
Drenagem do lago maior do Parque das Nações Indígenas começa na próxima semana
Geral
Zezé di Camargo quer ajudar a fortalecer "Cota Zero", em Mato Grosso do Sul
Geral
“Polícia estruturada ajuda na preservação”, diz Reinaldo ao entregar equipamentos à PMA
Geral
Produtos para festas juninas tem variação de até 309%
Geral
Reinaldo incentiva ampliação de voos e redução no preço de passagens
Geral
Leilão beneficente vai adotar pacientes para tratamento em equoterapia

Mais Lidas

Cidade
Campo-grandenses se unem e ajudam família que caiu em golpe da falsa encomenda
Internacional
Vídeo mostra mulher despencando de brinquedo em parque de diversões
Cidade
Sem qualquer indicativo de velocidade, radar funciona desde março
Brasil
Menino é assaltado enquanto vendia doces na rua e internautas se comovem