Menu
Busca quarta, 30 de setembro de 2020
(67) 99647-9098
Geral

Longen defende união entre Brasil e Paraguai para o desenvolvimento na fronteira

O presidente da Fiems participou de congresso em Pedro Juan Caballero

02 agosto 2019 - 15h21Joilson Francelino

O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Mato Grosso do Sul (Fiems), Sérgio Longen, defendeu nesta sexta-feira (2) união entre o Brasil e o Paraguai, para o desenvolvimento da região de fronteira.

Longen participou do 1º Congreso de Inversionistas de Frontera (Congresso dos Investidores de Fronteira), realizado nesta sexta, em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia que faz fronteira com Ponta Porã (MS), onde também destacou a importância de eventos que apresentem aos empresários informações sobre as vantagens de se investir na região fronteiriça. “O Governo do Estado implantou um decreto instituindo o Programa Fomentar Fronteiras, que incentiva o comércio atacadista na região de fronteira. Essas ações são importantíssimas para o desenvolvimento da indústria e também para a atração de novos investimentos para Mato Grosso do Sul porque muitas empresas vão para o nosso Estado de olho nas oportunidades de se instalar também no Paraguai”, salientou Sérgio Longen.

Ele citou também o Programa Indústria Sem Fronteiras, desenvolvido pela Fiems que faz um raio-X das principais cidades sul-mato-grossenses que fazem fronteira com o Paraguai. “O objetivo é fornecer informações aos empresários sobre os municípios de Mato Grosso do Sul e do Paraguai, como infraestrutura, logística, transporte, energia, água e mão de obra. Vale aqui destacar que temos o Centro Internacional de Negócios (CIN) que tem dado todo apoio aos empresários”, afirmou.

Ainda conforme o presidente da Fiems, o Indústria Sem Fronteiras já atraiu 87 empresas dos Estados de Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Rio de Janeiro e Santa Catarina, interessadas nos mecanismos e vantagens competitivas do programa Fomentar Fronteiras. “Além disso, cinco empresas já se instalaram no Paraguai por meio do Indústria Sem Fronteiras. Então o grande objetivo é fortalecer a indústria. Eu defendo a indústria viva, não importante onde, desde que ela gere emprego e renda para a população”, completou.

 

Terra Benta

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Reinaldo paga servidores nesta quinta
Geral
Pastor Dinho melhora e já está consciente
Geral
Campo-grandenses têm até 1h da madrugada para "ficar na rua"
Geral
Vitinho Park reabre nesta quarta
Geral
Fazendeiro mata eletricista que cortou luz por inadimplência
Geral
Vídeo - Raíssa perde o controle e joga creme em participantes da Fazenda
Geral
Gaeco cumpre mandados de busca em empresas de MS
Geral
Mulher suspeita que a atual namorada do seu ex-marido tenha envenenado sua gatinha
Geral
Mega-Sena pode pagar R$ 60 milhões no sorteio desta quarta
Geral
Homem cai dentro do córrego durante caminhada

Mais Lidas

Cidade
Vídeo - Famílias perdem tudo em incêndio Noroeste; saiba como ajudar
Cidade
Ação une irmãs do MT e MS em prol de animais do Pantanal
Justiça
Acusado de matar a tia com 24 facadas é condenado a 8 anos de prisão
Polícia
PMA autua pecuarista em R$ 10 mil por animais silvestres em cativeiro