Menu
Busca sexta, 17 de setembro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS setembro21
Geral

Ministério da Integração e Seprotur definem metas do FCO para 2011

31 março 2011 - 09h58
Campo Grande (MS) - A Secretaria de Desenvolvimento Agrário, Produção, Indústria, Comércio e Turismo (Seprotur) e a Secretaria de Desenvolvimento do Centro Oeste, órgão do Ministério da Integração Nacional, realizaram nesta quarta-feira (30), no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo, uma reunião de trabalho para debater sobre o desempenho e perspectivas do Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (FCO) no Estado. O encontro entre a coordenação nacional do FCO e representantes das diversas instituições de Mato Grosso do Sul foi aberto pelo secretário adjunto da Seprotur, Paulo Engel, que apresentou as perspectivas de desenvolvimento de Mato Grosso do Sul para os próximos 4 anos e destacou o papel do FCO como instrumento de apoio. “O FCO é de fundamental importância para a viabilização de investimentos no setor produtivo do nosso Estado. Através dessa linha de crédito estamos vendo, por exemplo, o crescimento do setor industrial”. Paulo Engel também mostrou aos presentes o plano de metas para o período de 2011 a 2014 , as parcerias necessárias e os gargalos ainda existentes para alcançar essas metas. O diretor de promoção de investimentos do FCO do Ministério da Integração Nacional, Cléber Ávila, mostrou aos presentes as prioridades do fundo para 2011, entre elas , o tratamento diferenciado para tomadores de menor porte. Ávila anunciou, em primeira mão, a aprovação na última semana, de uma linha de crédito específica para os empreendedores individuais. “O acesso dessas pessoas ao crédito é de suma importância para a inclusão delas no sistema produtivo”, enfatizou. Cléber Ávila também apresentou detalhadamente os critérios adotados para a distribuição dos recursos do FCO e lembrou que Mato Grosso do Sul teve o maior índice de crescimento em volume de contratações no ano passado – 370,3%. Para 2011, os recursos alocados para o Estado, devem alcançar R$ 1,2 bilhão. As primeiras contratações do ano já atendem diversos municípios com um volume de recursos da ordem de R$ 160 milhões. O diretor de promoção e investimentos também falou sobre duas importantes novidades – a instalação da Sudeco e o Fundo de Desenvolvimento do Centro-Oeste , o FDCO. Além do debate interno durante todo o dia de hoje, nesta quinta-feira (31) o Dirigente de Promoção de Investimentos do Ministério da Integração, Cléber Ávila, e a Coordenadora Geral do FCO, Helen Cássia, vão se deslocar entre os municípios de Campo Grande, Sidrolândia e Maracaju, visitando empreendimentos apoiados pelo Fundo no Estado. Fonte: Notícias MS
Unica - inverno

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Detran inova e fará mutirão amanhã no Shopping Pátio Central
Geral
Carreta com pluma de algodão pega fogo na MS-395
Geral
Casal quase é levado pela chuva em Itaporã
Geral
Peão de 50 anos morre esmagado por cavalo no Pantanal
Vídeos
Vídeo: Menina de 10 anos cai em cisterna de 15 metros
Vídeos
Vídeo: Corna arrasta 'Ruivinha' pelos cabelos após descobrir traição
Geral
Capital libera 100% de lotação em bares e eventos, sem plano de biossegurança
Geral
Motociclista morre após bater de frente com picape em MS
Geral
Procon/MS defende PIX e alerta consumidor não cair em golpes
Geral
Chuva da primavera pode ser insuficiente para amenizar seca no Rio Paraguai

Mais Lidas

Geral
Vídeo: "Onda onda, olha a onda", Brasil pode ser atingido por tsunami
Geral
Esacheu perde eleição para Jary Castro na Santa Casa
Polícia
Pedreiro morre ao cair do segundo andar de obra no Alphaville 4
Polícia
Vídeo: Homem é flagrado “encoxando” mulher em coletivo na Capital