Menu
Busca quinta, 29 de outubro de 2020
(67) 99647-9098
TJMS outubro20
Geral

MP e Fiems unem-se contra compra de votos

Órgãos de fiscalização e controle na compra de votos lançam a campanha “Candidato corrupto não merece chegar lá”

29 setembro 2020 - 07h18Sarah Chaves, com informações da assessoria

Um grupo de trabalho integrado pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul, o Ministério Público Federal e a Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso do Sul (Fiems), irá realizar a campanha de combate à corrupção nas eleições deste ano, intitulada: “Candidato corrupto não merece chegar lá”.

Para o Procurador-Geral de Justiça, Alexandre Magno Benites de Lacerda, a parceria é fundamental entre as Instituições, visto que o processo eleitoral impacta a vida de toda a população: “Desde 2011, a Fiems é parceira de divulgação do Ministério Público nas campanhas de combate à corrupção eleitoral. A cada dois anos, lançamos uma campanha para conscientizar a população dos malefícios da escolha viciada por meio de algo negativo para a sociedade, pois, após a eleição, o candidato que consegue entrar pelo sistema viciado com certeza irá praticar corrupção”.

O Presidente da Fiems, Sérgio Longen, destacou que somente por meio da democracia e da escolha de bons representantes é possível melhorar o cenário brasileiro em todos os aspectos. “Tudo isso passa pelas eleições e, muitas vezes, as pessoas não conseguem visualizar que as escolhas de agora irão impactar em todas essas áreas”, afirmou.

Sobre a importância da campanha, o Procurador de Justiça e Coordenador do CAO Eleitoral, Antonio Siufi Neto, ressaltou que a cidadania deve ser prestigiada: “O mote da nossa campanha é: Quem se elege de uma forma não cidadã, não nos representa. Então, o MPMS veio buscar o apoio da Fiems no sentido de orientar os eleitores. O MPMS vai fiscalizar diuturnamente todo o procedimento eleitoral, e é com base nessa rigidez do processo eleitoral e das regras que nós teremos representantes à altura, que possam nos receber e nos orientar na política nacional, estadual e municipal”.

O Promotor de Justiça e Coordenador do Núcleo Eleitoral do MPMS, Moisés Casarotto, reforçou que essa iniciativa é fundamental porque é uma campanha de conscientização do voto consciente: “É uma campanha contra a corrupção eleitoral de quem compra voto. A sociedade deve ficar atenta porque a pessoa que compra voto não merece o nosso apoio”.

Lançamento

O lançamento da campanha “Candidato corrupto não merece chegar lá” será na quarta-feira (30), às 14h, na Procuradoria-Geral de Justiça.

CertFica

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Justiça manda candidata provar que sabe ler
Geral
Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 45 milhões
Geral
'Lua Azul' dos smurfs poderá ser vista em três dias
Geral
Adelaido da CDL tem alta e está livre do coronavírus
Geral
Sofrimento em dobro: Jovem descobre que é "corna" e ainda apanha do namorado
Geral
Procon MS aponta diferença de 662% nos preços das flores para o Dia de Finados
Geral
Ponto facultativo é adiado e agências do INSS abrem normalmente nesta quarta
Geral
Jorge Aragão recebe alta após 12 dias internado com Covid-19
Geral
Ex-atriz pornô faz simpatia de R$ 2 mil para casar com Gusttavo Lima
Geral
Câmara cancela sessão após morte do pai de Salineiro

Mais Lidas

Política
Candidatos participam de debate na Fetems
Cidade
Assembleia homenageia Dudu do Bifão e pai do vereador Salineiro
Justiça
Cinco cidades de MS receberão apoio das Forças Armadas
Geral
Justiça manda candidata provar que sabe ler