Menu
Busca segunda, 01 de junho de 2020
(67) 99647-9098
Geral

Morre ex-prefeito e ex-senador Juvêncio César da Fonseca

Ele estava internado há dois meses por conta de infecção, no Proncor em Campo Grande

14 dezembro 2019 - 08h35Priscilla Porangaba

O ex-prefeito de Campo Grande e ex-senador Juvêncio César da Fonseca, 84 anos, morreu nesta madrugada de sábado (14) após dois meses internado no Proncor na capital.

A morte foi confirmada pela esposa, Suely Brandão, ao JD1 Notícias. Segundo a viúva, Juvêncio lutava contra osteomelite, infecção no osso causada por bactérias ou fungos, há 11 anos e apneia. 

O velório está acontecendo desde às 8h no cemitério Parque das Primaveras e o sepultamento está previsto para às 15h30.

A Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul (OAB-MS) publicou uma nota lamentando a morte do também advogado.

O presidente da Ordem, Mansour Elias Karmouche, disse que Juvêncio prestou relevantes serviços à classe e sociedade. “Lamentamos muito e estamos profundamente consternados pelo passamento do advogado Juvêncio. Ele ocupou diversos cargos públicos, atuou como Defensor Público e depois foi à política. Em todas as suas atribuições dignificou tanto a profissão quanto a sociedade. É com profundo pesar que a OAB/MS registra esse fato triste nesta data”.

A prefeitura de Campo Grande também publicou uma nota de pesar, assinada pelo gestor municipal Marquinhos Trad.

É com grande pesar e sentimento de gratidão que a prefeitura municipal de Campo Grande recebeu a notícia do falecimento do ex-prefeito Juvêncio Cesar da Fonseca. A família campo-grandense está de luto. Juvêncio C. da Fonseca deixou marcas profundas em nossa cidade, legando obras, projetos e realizações no campo social que até hoje são fundamentais para a qualidade de vida de nossa população. A cidade sempre lembrará dele com carinho, respeito e admiração. Em nome de todos munícipes externo meu pesar à sua família, confortando-lhes com a certeza de que será acolhido por Deus e reinará eternamente em nossos céus.

Carreira

Juvêncio era nascido em Campo Grande, em 1935, mas formado em Direito pela Faculdade Cândido Mendes, no Rio de Janeiro. Em 1983 elegeu-se vereador e foi prefeito de Campo Grande em dois mandatos, de 1986-1988 e de 1993 a 1996.

Três anos depois, foi eleito senador até 2007.  Ele também atuou como assessor especial do então governador André Puccinelli (MDB).

Durante a carreira política, integrou o PMDB, passando pelo PDT, o PFL (atual Democratas) e, atualmente, estava filiado ao PSDB.

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Mapa do Feminicídio é lançado nesta segunda e mostra dados alarmantes
Geral
Detran volta a aplicar exames práticos e teóricos no interior do MS
Geral
Governo de MS cria comitê para planejar retomada pós pandemia
Geral
Dois ganhadores da Nota MS Premiada levarão R$ 50 mil, cada
Geral
Mães menores de idade já podem pedir auxílio emergencial
Geral
Caixa libera saques e transferências da 2ª parcela para nascidos em fevereiro
Geral
Familiares de vítima do coronavírus lamentam enterro sem despedida na capital
Geral
Balada não seguiu normas de segurança, mostra vídeo de leitor
Geral
Riedel sinaliza que objetivo agora é a Lei Kandir
Geral
Sorteio da Nota MS Premiada ocorre neste sábado

Mais Lidas

Brasil
Mandetta quer mudar ou sair de "quarentena"
Cidade
Grupo antifascista organiza protesto em Campo Grande
Geral
Mapa do Feminicídio é lançado nesta segunda e mostra dados alarmantes
Polícia
Fábio Trad usa as redes para apoiar manifestações de torcidas contra Bolsonaro