Menu
Busca domingo, 07 de março de 2021
(67) 99647-9098
Geral

MS registra aumento de 80% na participação de reeducandos no Enem Prisional

24 novembro 2012 - 15h04Divulgação/Agepen

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) acontece nos dias 4 e 5 do próximo mês para pessoas em situação de prisão de todo o Brasil. Em Mato Grosso do Sul foram 1058 inscritos, destes 1022 de estabelecimentos penais da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen), 30 do Presídio Federal e seis de unidades educacionais de internação (Uneis).

Nas unidades penais administradas pela Agepen, observou-se um aumento de 83,4% no número de inscritos. Segundo a chefe da Divisão de Educação da agência penitenciária, Elaine Arima Xavier Castro, um dos fatores que contribuiu para este crescimento foi a ampliação do número de presídios da agência credenciados para sediarem as provas, saltando de 25 no ano passado para 29 em 2012.

Esse crescimento foi registrado também no total de internos inscritos no estado, contabilizando um aumento de 77,8% com relação a 2011, quando houve a participação de 595 candidatos.

Na capital, o exame será realizado no Estabelecimento Penal Jair Ferreira de Carvalho, Instituto Penal de Campo Grande, Estabelecimento Penal Feminino “Irmã Irma Zorzi”, Centro de Triagem “Anísio Lima”, Centro Penal Agroindustrial da Gameleira e na unidade semiaberta feminina, além do Presídio Federal e das Uneis Dom Bosco e Estrela do Amanhã.

As provas também serão aplicadas em unidades de Amambai, Aquidauana, Bataguassu, Cassilândia, Corumbá, Dourados, Dois Irmãos do Buriti, Jateí, Jardim, Naviraí, Paranaíba, Ponta Porã, Rio Brilhante, São Gabriel do Oeste e Três Lagoas.

A Penitenciária Harry Amorim Costa, em Dourados, foi a unidade que reuniu o maior número de inscrições de internos para participação no Enem Prisional 2012 no estado, com 110 reeducandos, seguida pelo Estabelecimento Penal Jair Ferreira de Carvalho com 109, pelo Centro Penal Agroindustrial da Gameleira  com 105, e o Instituto Penal de Campo Grande, com 100.

O exame é composto por quatro provas objetivas, contendo cada uma 45 questões de múltipla escolha, e uma redação. No primeiro dia, os participantes responderão questões de Ciências Humanas e suas Tecnologias, e de Ciências da Natureza e suas Tecnologias, com duração de 4 horas e 30 minutos. No segundo dia, serão realizadas as provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Redação, e Matemática e suas Tecnologias; com duração de 5 horas e 30 minutos.

Conforme o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), do Ministério da Educação, os aprovados, além da certificação de conclusão do Ensino Médio, poderão concorrer a vagas em universidades e em programas governamentais.

Via Notícias MS

APP JD1_android

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Vigilância interdita Rat Cold Beer por aglomeração em toque de recolher
Geral
Mega-sena acumula e próximo sorteio será de R$ 27 milhões
Geral
Última chance; inscrições para apartamentos do Jardim Canguru terminam amanhã
Geral
Covid faz mais uma vítima, o médico Carlos Garcia Queiroz
Geral
Major Helena é a 1ª mulher a comandar Academia de Bombeiros de MS
Geral
Com R$ 6,5 milhões, Energisa amplia subestação em Bandeirantes
Geral
Prefeitura vai ampliar leitos de UTI e retornar com desinfecções públicas
Geral
Macrorregião da capital esgota capacidade de leitos
Geral
CDL viabiliza “previsibilidade” junto a Marquinhos
Geral
Empresário André Vieira morre após complicação causada por remédio

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio