Menu
Busca terça, 15 de outubro de 2019
(67) 99647-9098
Geral

Nelsinho diz que projeto do IPTU ficará pronto na segunda-feira

11 dezembro 2010 - 09h19
Na solenidade de diplomação dos eleitos em 3 de outubro, que está acontecendo no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camillo, em Campo Grande, o prefeito Nelsinho Trad (PMDB) disse que o projeto com os novos valores do IPTU (Imposto Sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana) ficará pronto na segunda-feira (13), para que os vereadores possam analisar ainda na semana que vem. Nelsinho frisou que o reajuste não será muito diferente do percentual decretado no ano passado, com variações de 7,5% a 8%. Para manter o elevado índice de adimplência, a prefeitura aposta nos prêmios e para estimular o pagamento à vista continuará fazendo sorteios especiais para os que optarem pela quitação. “Deve haver muita parcimônia na questão do reajuste, mas não será diferente muito diferente do valor cobrado hoje”, afirmou o prefeito. Taxa de água e esgoto - Sobre o reajuste de 8,91% no tarifa dos serviços de água e esgoto em Campo Grande, autorizado na semana passada com validade para janeiro de 2011, e que virou polêmica nos legislativos municipal e estadual, Nelsinho esclarece que os vereadores têm realmente o dever de fiscalizar o que acontece, mas “quem não deve, não teme”. O vereador Paulo Pedra (PDT) apresentou à Casa uma proposta de decreto legislativo sustando a autorização dada pela prefeitura, com a assinatura de outros três vereadores (Alcides Bernal, Clemêncio Ribeiro e Loester Nunes). A manifestação de Pedra provocou uma reação irritada do presidente da Câmara, Paulo Siufi (PMDB). Em aparte, o vereador destinou suas críticas ao deputado Marquinhos Trad (PMDB), que na sessão de terça-feira levantou a polêmica sobre o reajuste para os serviços de água e esgoto, ao apresentar requerimento à Assembleia Legislativa pedindo explicações à Agência de Regulação de Serviços Públicos Delegados sobre o reajuste permitido à Águas. Na Câmara foi aprovado por unanimidade requerimento para convocar o diretor executivo da concessionária Águas Guariroba, José João da Fonseca, e o presidente da agência de regulação, Marcelo Amaral, a justificar o reajuste dos serviços de água e esgoto. O objetivo é discutir o aumento da tarifa às 8 horas do dia 15 de dezembro. Fonte: CG News

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Aeroporto atua sem atrasos e cancelamentos nesta terça-feira
Geral
Lista de materiais coloca escolas particulares na mira do Procon
Geral
Morre o empresário Antônio Farias, o "Baiano"
Geral
Mulher morre por descarga elétrica ao tentar ligar máquina de lavar
Geral
Motociclista morre dois dias depois de bater em veículo parado
Geral
Thiaguinho e Fernanda Souza estão separados
Geral
Governo institui Dia Estadual de Combate à Mortalidade Materna no MS
Geral
"Quero agradecer por tanta oração", diz jovem que caiu da sacada de apartamento
Geral
Servidores nascidos em julho e agosto devem fazer recadastramento bancário
Geral
Aposentados do INSS devem fazer "prova de vida" para não perder benefício

Mais Lidas

Geral
Morre o empresário Antônio Farias, o "Baiano"
Polícia
Jaime Valler estava na lista da milícia para morrer
Geral
Pai encontra filho morto, enforcado com fio de nylon
Geral
Mulher morre por descarga elétrica ao tentar ligar máquina de lavar