Menu
Busca sábado, 15 de junho de 2019
(67) 99647-9098
Geral

OAB faz ato na segunda pedindo volta do expediente das 8h às 18 na Justiça

29 janeiro 2011 - 11h20
A OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) em Mato Grosso do Sul programou para às 13h30 da próxima segunda-feira ato público que vai pedir o o restabelecimento do expediente da Justiça Estadual das 8h às 18h. Durante a manifestação, serão colhidas a assinaturas contra a mudança de horário na Justiça, que, desde setembro do ano passado, teve o expediente concentrado no período da tarde, das 12h às 19h. Em entrevista hoje o novo presidente do TJ (Tribunal de Justiça), Luiz Carlos Santini, sinalizou que a tendência é que a mudança seja mantida, mas com a criação de plantões pela manhã. A OAB move uma ação no STF (Supremo Tribunal Federal) contra a alteração do expediente da Justiça, mas o processo ainda não teve definição. A manifestação anunciada pela entidade será em frente ao Fórum de Campo Grande, às 13h30. A Ordem defende a volta do expediente das 8h às 18h a partir de 1º de março de 2011, uma vez que a medida do TJ que estabeleceu o horário concentrado foi aprovada “em caráter experimental, excepcional e emergencial pelo período de seis meses, a partir de 1º de setembro de 2010 até 28 de fevereiro de 2011”. Segundo a OAB divulgou, o ato público será realizado em razão das inúmeras reclamações recebidas da advocacia e da sociedade em geral, quanto à ausência de atendimento no período matutino. No local, serão colhidas assinaturas dos advogados para a não prorrogação do referido prazo de vigência ou instituição de novas medidas que confrontem o horário de atendimento previsto na Constituição do Estado. O documento também será assinado pelo Conselho Seccional da OAB/MS, subseções, membros do Tribunal de Ética, relatores auxiliares e defensores dativos, presidentes e membros de comissões, prejudicados pela redução no horário de atendimento. Posteriormente, a solicitação será entregue à presidência do TJ. Reabertura- O ato também vai marcar a reinauguração das salas da entidade localizadas no Fórum de Campo Grande. A reestruturação, segundo informou a Ordem, foi feita com a finalidade de prestar melhor atendimento aos profissionais e estagiários. Com a mudança, a sala interna passa a ser para serviços de correspondente bancário, que além de ser próxima aos bancos, traz maior segurança. Já a externa, de tamanho maior, será para atendimento dos advogados, estagiários e acadêmicos de Direito. Novos mobiliários estão sendo instalados. Foi alterado o acesso à sala externa, isolando a porta de vidro atualmente utilizada, passando a usar a porta interna, já instalada, que liga a sala ao átrio do Fórum. A medida vai permitir melhor acessos dos advogados, estagiários e acadêmicos, que não precisarão sair do prédio e se expor às intempéries do tempo, sempre que necessário fazer uso dos serviços prestados pela Ordem. Fonte: CG News

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Longen recebe desembargadores do TRT
Geral
TAP honrará bilhetes da Avianca
Geral
Cartórios farão certificação digital
Geral
Nelsinho quer reduzir tarifa do transporte público
Geral
Encontro regional apresenta e-notariado para os tabeliães de MS
Geral
Vídeo - Ajude a encontrar a sanfona do “Tchê Gaúcho”
Geral
Onça-pintada é encontrada morta às margens da BR-262
Geral
"Junho Vermelho" permanece na capital
Geral
Modelo fala que "polícia é comprada" e delegado registra BO
Geral
Vídeo: caminhão boiadeiro tomba no Maria Aparecida Pedrossian

Mais Lidas

Polícia
Em uma hora, pistoleiros matam três pessoas na fronteira
Polícia
Tio e sobrinho são mortos a golpes de facão
Brasil
Vídeo – Motorista avança em manifestantes e atropela cinco
Geral
Vídeo - Ajude a encontrar a sanfona do “Tchê Gaúcho”