Menu
Busca sexta, 19 de julho de 2019
(67) 99647-9098
Geral

PDV é sancionado pelo governador

Plano de Desligamento Voluntário foi publicado no Diário Oficial do Estado

16 abril 2019 - 10h52Rayani Santa Cruz, com Portal do MS

O governador Reinaldo Azambuja sancionou o Programa de Desligamento Voluntário (PDV) e o mesmo foi publicado nesta terça-feira (16) no Diário Oficial do Estado.

Após ser aprovado pela Assembleia Legislativa o projeto do Executivo se torna realidade com a sanção. 
Segundo o governo, o PDV é uma alternativa para os servidores que não se adequarem à restituição da jornada normal de trabalho, de oito horas, que terá início no dia 1º de julho. De acordo com o texto, os servidores interessados deverão fazer os pedidos de adesão e caberá ao secretário de Estado de Administração e Desburocratização, Roberto Hashioka, analisar as solicitações no prazo de 45 dias úteis.

O servidor que aderir terá direito a receber o equivalente a uma remuneração mensal para cada ano trabalhado, além de uma bonificação de 30%. O pagamento será parcelado, com depósito em conta, sempre na mesma data de vencimento dos servidores.

Ao longo do mês de março, PDV e a restituição da jornada normal de trabalho foram apresentados pela SAD a todas as categorias de servidores.

1/4 colchões

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Para Emir Sader, Lula aparenta estar "muito bem fisicamente”
Geral
Centro Cultural oferece 48 vagas gratuitas para curso de Ballet
Geral
Vídeo - Idosa de 93 anos faz sucesso empinando pipa
Geral
Nelsinho será palestrante durante a 71ª SBPC
Geral
Bradesco tem agência exclusiva para recadastramento de servidores
Geral
Francês atravessa o Atlântico em um tonel e história vai virar livro
Geral
Reinaldo proíbe fornecimento de canudos de plástico no estado
Geral
Quatro capivaras amanhecem mortas próximo ao shopping
Geral
Menino acha fóssil gigante de 8 milhões de anos
Geral
Jovem perde perna em acidente e pede ajuda em "Vaquinha Solidária"

Mais Lidas

Geral
Quatro capivaras amanhecem mortas próximo ao shopping
Justiça
Rigo entra com recurso baseado em decisão de Toffoli
Geral
Jovem perde perna em acidente e pede ajuda em "Vaquinha Solidária"
Polícia
Incêndio criminoso deixa pelo menos 16 mortos