Menu
Busca quarta, 08 de abril de 2020
(67) 99647-9098
TJMS Topo
Geral

Prazo para eleitor regularizar título termina em maio

Quem não estiver em dia com documento, não poderá votar nas eleições

20 fevereiro 2020 - 07h14Priscilla Porangaba, com informações da Agência Brasil

Os cidadãos que tiveram o título de eleitor cancelado têm até o dia 6 de maio para regularizar a situação.

Após o prazo, quem não estiver em dia com o documento, não poderá votar nas eleições municipais de outubro, quando serão eleitos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores nos 5.568 municípios do país.

No ano passado, 2,4 milhões de títulos foram cancelados porque os eleitores deixaram de votar e justificar ausência por três eleições seguidas. Para a Justiça Eleitoral, cada turno equivale a uma eleição.

Para regularizar o título, o cidadão deve comparecer ao cartório eleitoral próximo a sua residência, preencher o Requerimento de Alistamento Eleitoral (RAE) e apresentar um documento oficial com foto. Além disso, será cobrada uma multa de R$ 3,51 por turno que o eleitor deixou de comparecer.

O prazo para fazer a solicitação termina no dia 6 de maio, último dia para emissão do título e alteração de domicílio eleitoral antes das eleições.

Além de ficar impedido de votar, o cidadão que teve o título cancelado fica impedido de tirar passaporte, tomar posse em cargos públicos, fazer matrícula em universidades públicas, entre outras restrições.

A situação de cada eleitor pode ser verificada no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O primeiro turno será realizado no dia 4 de outubro. Se necessário, o segundo turno será no dia 25 do mesmo mês. Cerca de 146 milhões de eleitores estarão aptos a votar. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Empresas de turismo não podem cobrar multa para remarcar reserva, diz Procon-MS
Geral
Na maior crise da história, tarifa de energia sobe; no MS reajuste chegará em julho
Geral
WhatsApp limita o encaminhamento de mensagens a uma por vez
Geral
Dilma afirma que Bolsonaro é incapaz de enfrentar coronavírus
Geral
UPA Vila Almeida é evacuada após princípio de incêndio
Geral
Funsat volta a abrir as portas nesta terça-feira
Geral
Encontrada - Letícia está bem, passou dias em uma chácara e não avisou
Geral
Cadastro para auxílio emergencial já está disponível; tire suas dúvidas
Geral
INSS: Pagamento de um salário mínimo de auxílio-doença será antecipado
Geral
Vídeo - Daciolo diz que "facada em Bolsonaro foi show da Maçonaria, com pastor Malafaia"

Mais Lidas

Polícia
Filho é executado na frente da mãe
Economia
Governo libera FGTS para frear crise causada pelo coronavírus
Polícia
Vídeo: dupla é presa traficando mais de 2 toneladas de maconha
Internacional
Colombianos são presos pelos pés por desrespeitar quarentena