Menu
Busca terça, 14 de julho de 2020
(67) 99647-9098
Governo coronavirus 03
Geral

Presos suspeitos de matar professor em orgia sexual no MS

24 junho 2011 - 11h01Divulgação

Dois suspeitos de matarem um professor, durante uma orgia sexual, na cidade de Corumbá (MS), a 430 km da capital, Campo Grande, foram presos ontem, segundo informou a Polícia Civil. Fabio do Nascimento e Luis Alberto Cardoso, conhecido como Chuchu, foram detidos em diligência realizada pela polícia na tarde de quinta-feira. Após a prisão, eles confessaram o crime.

De acordo com o delegado Jeferson Rosa Dias, o professor, de 47 anos, tinha uma relacionamento amoroso com Fabio. A vítima pagava por festas e dava dinheiro em troca de favores sexuais.

"Os dois estão presos, confessaram o crime no interrogatório e para a imprensa. Fabio, inclusive, já tinha confessado para sua mãe que tinha matado o professor", afirmou o delegado.

O crime ocorreu no dia 9 de junho, mas o corpo do professor só foi encontrado no dia 14, em sua própria residência. O delegado informou que, no dia do crime, Fabio recebeu uma ligação do professor pedindo para marcar um encontro. O acusado perguntou se poderia levar um amigo e combinou o encontro na casa da vítima.

Durante o ato sexual, Fabio segurou o professor e Chuchu desferiu golpes contra o peito da vítima com uma faca de cozinha. A arma quebrou, mas o agressor buscou uma nova faca e degolou o professor.

"Acreditávamos que ele tinha morrido por causa do ferimento no pescoço, mas a perícia revelou que a causa da morte foram os múltiplos golpes que ele recebeu", informou o delegado.

Dias afirmou ainda que a diligência realizada pela polícia hoje não tinha como objetivo prender os acusados, seria apenas para averiguações, mas quando chegaram na casa dos suspeitos foram encontrados o celular, equipamentos eletrônicos da vítima e 230 gramas de cocaína. A droga foi trocada pelo carro do professor.

Vacinne

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Prefeitura multa Consórcio Guaicurus em R$ 12 milhões
Geral
Carnaval no Rio pode acontecer só em junho
Geral
Governo amplia prazo de redução de jornada e suspensões de contratos
Geral
Orro quer proibir atos públicos para evitar aglomerações
Geral
Aos 27 anos, Adalberto perde a luta contra o coronavírus
Geral
Saque de auxílio emergencial é liberado para beneficiários do 3º lote
Geral
Mãe pede leite, remédio ou dinheiro para salvar bebê com anomalia
Geral
Funsat encaminha mulheres vítimas de violência ao mercado de trabalho
Geral
Licenciamento de veículos pode ser emitido online
Geral
Blogueira de MS afirma estar com Covid-19 e faz “recebidos” de vitaminas

Mais Lidas

Brasil
Justiça determina pagamento de Indenizações a novos atingidos por rompimento em Mariana
Geral
Prefeitura multa Consórcio Guaicurus em R$ 12 milhões
Justiça
Ministério Público abre inquérito para investigar estudante picado por naja
Internacional
Filha invade necrotério e descobre que pai vivo