Menu
Busca segunda, 19 de abril de 2021
(67) 99647-9098
Governo Balada - topo - abril21
Geral

Procon deve abrir investigação contra aplicativos de viagem

Medida vai ser tomada após solicitação dos motoristas de aplicativo

05 março 2021 - 13h13Sarah Chaves e Marcos Tenório

Em reunião com o secretário de Estado de Governo, Sérgio Murilo, e com a Superintendencia para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon), na manhã desta sexta-feira (5), os motorista de aplicativo como Uber, 99, Waze Carpool e Indriver, solicitaram algumas medidas para melhoria da renda da categoria.

O principal pedido foi a diminuição do ICMS do preço da gasolina e uma reavaliação do cálculo da média do combustível estadual para a pauta de dezembro, que representaria uma redução de cerca de 30 a 40 centavos no valor do combustível. “Eles vão congelar a pauta no valor atual por 15 dias, e vão estudar a possibilidade de redução para pauta no valor de dezembro”, disse um motorista que esteve na reunião.

Os motoristas pediram também o apoio do Procon e devem protocolizar uma solicitação para abertura de investigação contra o 99poupa e Uberpromo, sobre possíveis ilegalidades. “Porque a que a plataforma reduziu os ganhos através das promoções e não reajustou os valores das corridas para os motoristas”, afirmou um dos organizadores do movimento.

Ao JD1 Notícias, o superintendente do Procon, Marcelo Salomão disse que o órgão vai buscar respostas do por que o aplicativo “mudou a regra do meio do jogo”, prejudicando os motoristas, cancelando as promoções. “Eles solicitaram também o congelamento da pauta retroativa de dezembro, isso vai ser passado para Secretaria de Fazenda do governo com uma análise para que o Estado também não perca’, falou.

A categoria também solicitou o apoio do Procon, para que o órgão possa intermediar todas essas ralações com o governo do estado e com a Sinpetro. “Vamos ajudar a classe para que haja uma melhoria nessa relação e consequentemente melhorias para o usuário do aplicativo", completou Salomão.

Outro pedido que deve ser estudado pelo Governo do Estado é o abastecimento em cashback, onde o motorista vai fazer um cadastro, abastecer, e uma porcentagem voltaria para ele como cashback. Além da proposta de criar promoções de combustível para motoristas de aplicativo em postos específicos. Outras reuniões ainda devem acontecer, e a categoria já garantiu paralisação nacional dia 17 de março.

 

APP JD1_apple

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Vídeo: Aluno deixa a câmera ligada enquanto faz sexo durante aula da UFSC
Geral
Detran-MS abre leilão de sucata aproveitável na terça-feira
Geral
Caio, Fiuk e Gil disputam permanência no BBB; quem será o eliminado ?
Geral
Vídeo: pé de Manoel de Barros é arrancado
Geral
UPAs tem 48 clínicos e 13 pediatras na manhã desta segunda-feira
Geral
AO VIVO: Reinaldo forma 254 sargentos da PM
Geral
Produtor rural morre após veículo passar por cima de rotatória e capotar
Geral
Pós em Advocacia Pública da EAGU está com inscrições abertas
Polícia
Jovem ferido por arma de fogo no Mário Covas segue internado e estável
Geral
Vaca cai de barranco, mas é "salva" pelos chifres a 50 metros de altura

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio