Menu
Busca terça, 30 de novembro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS nov21
Geral

Reinaldo assina termo de redução do ICMS do frete

Previsão é de que a nova tabela de cálculo do ICMS entre em vigor na próxima quarta-feira

26 outubro 2021 - 10h36Sarah Chaves com informações do Governo do Estado

O governador Reinaldo Azambuja assinou decreto reduzindo a carga tributária do ICMS sobre o transporte para produtos não agropecuários de Mato Grosso do Sul para outros estados.

O decreto alterando os coeficientes da tabela do frete foi assinado também  pelos secretários Jaime Verruck (Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) e Felipe Mattos (Fazenda).

A mudança torna a base de cálculo do ICMS mais condizente com a realidade do mercado. No caso de produtos industrializados (não agropecuários ou extrativistas), o valor do frete mínimo - que funciona como se fosse a pauta fiscal - não convergia com o valor real, impondo uma carga tributária injusta aos transportadores destes produtos e afetando os custos de toda a cadeia.

Segundo o governador Reinaldo Azambuja, com a atualização da tabela, a pauta relativa à base de cálculo do ICMS transporte voltará a refletir os preços de mercado. “O decreto é resultado da discussão dos empresários com o Fisco e com o Desenvolvimento. A conta estava muito cara para quem faz o transporte. O ICMS sobre o transporte estava onerando a competitividade de Mato Grosso do Sul. O que a gente fez aqui? Nada mais do que voltar a parâmetros mais normais, de regras mais claras e diminuindo os custos”, disse.

O secretário Jaime Verruck exemplificou que, na prática, as mudanças representam uma redução substancial no valor a ser pago de ICMS. “A tabela atual penalizava fortemente todos esses produtos industrializados, como o etanol. Pelas regras atuais, o transporte de 46,14 toneladas desse combustível de Sonora (MS) para Guarulhos (SP) implicaria em uma conta de R$ 2.048,00 de ICMS a pagar. Com a nova tabela, esse valor será reduzido para R$ 1.357,27 - uma diminuição de 33,72%. Isso dá competitividade para a economia, para a cadeia produtiva”, declarou.

A previsão é de que a nova tabela de cálculo do ICMS do frete entrará em vigor na próxima quarta-feira (27), após publicação no Diário Oficial do Estado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Pescadores retiram mais de uma tonelada de resíduos do rio Brilhante
Geral
Lei Marília Mendonça, para sinalização de linhas de energia, pode ser votada nesta terça
Geral
Procon alerta população de MS sobre novo golpe
Geral
Capital não terá réveillon
Geral
Inédito: Prefeitura promove Marcha de Homens pelo Fim da Violência contra a Mulher
Geral
Governo paga servidores dia 1° de dezembro
Geral
Vizinhos lamentam morte de motociclista que foi assassinado na Mata do Jacinto
Geral
Confeitarias, sorveterias e buffets poderão ter veículo isento de IPVA
Geral
Estudante é picado por escorpião durante prova do Enem
Geral
Pesquisa testará tratamento para câncer de pênis em voluntários

Mais Lidas

Opinião
O "mistério" dos ônibus de Campo Grande
Geral
Vizinhos lamentam morte de motociclista que foi assassinado na Mata do Jacinto
Polícia
Mulher fura sinal vermelho, colide em Celta e capota na Elias Zahran
Polícia
Homem é morto com golpes de capacete após atropelar criança