Menu
Busca segunda, 21 de setembro de 2020
(67) 99647-9098
Aguas - super banner
Geral

Sumida, estudante teria fugido com professor que expôs 'dilema moral'

24 setembro 2012 - 10h14BBC

As polícias britânica e francesa montaram uma operação de buscas para tentar localizar uma adolescente de 15 anos declarada desaparecida na sexta-feira e que teria fugido para a França com um professor casado de 30 anos.

A estudante Megan Stammers foi dada como desaparecida após faltar à aula na sexta-feira.

Segundo a polícia do condado britânico de Sussex, ela teria sido vista cruzando o Canal da Mancha em uma balsa com o professor Jeremy Forrest, que leciona matemática na escola em que ela estuda.

Os dois estariam a bordo de um carro de propriedade do professor.

No sábado, o pai da menina, Martin Stammers, afirmou: 'Queremos apenas que Megan entre em contato conosco. Estamos preocupados e sentimos sua falta. Por favor, entre em contato, Megan'.

Segundo o inspetor de polícia Jason Tingley, a família está 'incrivelmente perturbada' com seu sumiço e quer que ela volte para casa o mais rápido possível.

'Dilema moral'
Segundo a mídia britânica, o professor, que se casou no ano passado, havia postado um comentário em um blog em maio afirmando enfrentar um 'dilema moral'.

'Há uma semana, tive de lidar com um certo dilema moral, tanto internamente quanto externamente', afirmou.

'E a questão predominante que isso me deixou foi: Como nós deveríamos definir o que é certo ou errado, aceitável ou inaceitável?', questionou.

'Eu cheguei a algumas conclusões diferentes, principalmente, que nós realmente fazemos muitas coisas erradas, mas, no fim das contas, eu fiquei satisfeito com o fato de poder me olhar no espelho e saber que, por trás de tudo, você é uma pessoa boa e deveria confiar em seu próprio julgamento', concluiu.

Esta é a segunda vez em menos de um ano em que a escola, na cidade de Eastbourne, enfrenta um escândalo.

No início do ano, a instituição foi acusada de manter em seu conselho um sacerdote aposentado acusado, no ano passado, por 38 casos de crianças e adolescentes molestados sexualmente nos anos 1960 e 1970.

Via G1

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Eletricitários paralisam e exigem transparência de terceirizada da Energisa
Geral
MS aumenta rigor e autuações contra queimadas já superam ano de 2019
Geral
Pré-candidato na capital, Renato Branco morre em decorrência da Covid-19
Geral
Mega-Sena acumula e deve pagar R$ 43 milhões na quarta-feira
Geral
Fernando e Sorocaba fazem live neste domingo; confira outros artistas
Geral
Na pandemia, Thomaz Lanches descobre evasão de 20%
Geral
Luísa Sonza está sendo processada por suposto ato racista
Geral
Live com presidente do TRE abre cobertura das eleições no JD1
Geral
Morador de MS recebe sementes misteriosas da China e governo emite alerta
Geral
Mariano e Jake protagonizam beijo "morno" durante festa em "A Fazenda"

Mais Lidas

Polícia
Ao defender amigo, jovem é assassinado por cunhado
Saúde
Das 1.179 mortes pelo coronavírus em MS, a capital chega aos 500 óbitos
Polícia
Homem morre na Santa Casa 25 dias após cair de escada
Polícia
Carro abandonado é apreendido com 631 kg de maconha