Menu
Busca sexta, 01 de dezembro de 2023
(67) 99647-9098
Governo Dengue Nov23
Justiça

Após xingar Dino, Justiça aceita queixa-crime do ministro contra Monark

Influencer desferiu insultos contra o ministro durante transmissão feita logo após Moraes bloquear suas redes

29 setembro 2023 - 14h53Pedro Molina

A 5ª Vara Federal Criminal de São Paulo aceitou a queixa-crime protocolada pelo ministro Flávio Dino, da Segurança, contra o influenciador Bruno Aiub, conhecido como Monark.

A decisão da juíza federal Maria Isabel Prado ocorre após manifestação favorável à ação feita pelo Ministério Público Federal.

O ministro acusa Monark de calúnia, difamação e crime contra a honra após, em junho deste ano, o influenciador chamar Dino de “gordola” e “filho da puta” durante uma live, realizada logo após o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), bloquear suas redes sociais.

“Esse gordola vai te escravizar, você vai ser escravizado por um gordola, mano”, disse o influenciador durante a transmissão.

Monark terá um prazo de dez dias para apresentar sua defesa por escrito. Segundo o Código Penal, a pena para o crime de calúnia é de seis meses a dois anos e pagamento de multa.

 

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 e acompanhe em tempo real todas as notícias. Para baixar no IOS, clique aqui. E aqui para Android.

Asilo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Justiça
STF decide que Correios podem abrir correspondências caso haja suspeita de crime
Justiça
Consórcio Guaicurus é condenado a pagar indenização e pensão a vítima de acidente
Justiça
Justiça mantém condenação a secretário municipal e professora por compra de votos em MS
Justiça
TRE-MS mantém condenação de cidadão por críticas ofensivas a ex-prefeito de Terenos
Justiça
Justiça suspende cobrança da taxa do lixo em Corumbá
Justiça
Tribunal de Contas multa ex-diretor do Fundo de Previdência de Amambai
Justiça
Justiça eleitoral condena cidadão por instalação de outdoor pró-Bolsonaro em MS
Justiça
Desdobramentos da 'Operação Lama Asfáltica': perícia examinará bens do casal Giroto
Justiça
TCE-MS suspende licitação de R$ 17 milhões do Cidecol
Justiça
STF fixa tese em que imprensa pode ser responsabilizada por fala de entrevistado

Mais Lidas

Geral
Fiel denuncia casos de abuso sexual e omissão dentro da El Shaddai
Polícia
JD1TV AGORA: Ladrões armados roubam joalheria dentro do Shopping Norte Sul
Polícia
Vídeo - Após ser traído, homem se joga em carro em chamas
Geral
Jota Abussafi permanece internado na Capital sem previsão de alta