Menu
Busca quinta, 20 de junho de 2019
(67) 99647-9098
Justiça

Condenação de ex-prefeito de Aparecida do Taboado é mantida

André Alves Ferreira foi condenado por improbidade administrativa e deve pagar multa de mais de R$ 26 mil

02 abril 2019 - 09h30Rayani Santa Cruz

Os desembargadores da 2ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul negaram recurso do ex-prefeito de Aparecida do Taboado André Alves Ferreira, e mantiveram a sentença. Ele foi condenado por improbidade administrativa pela compra de medicamentos sem licitação em 2009 e teve os direitos políticos suspensos até 2023.

André também deve pagar multa no valor de R$ 26.058,37, sendo proibido de  contratar com o poder público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, no prazo de cinco anos.

De acordo com os autos do processo n° 0801830-32.2013.8.12.0024, André Alves Ferreira foi prefeito em 2009 e, entre os meses de abril e agosto, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, sem a devida formalização do processo licitatório, adquiriu medicamentos no valor de R$ 104.233,50 com recursos do bloco de atenção básica.

Inconformado com a sentença, o ex- prefeito apelou em segundo grau sob o argumento de que não se beneficiou com o processo, tendo somente buscado atender a necessidade pública. Ele alegou não ter provas sobre a  incorporação a seu patrimônio.

Para o relator do processo, desembargador Fernando Mauro Moreira Marinho, é clara a intenção de fracionar a compra a fim de burlar a licitação, sendo indiscutível a conduta desonesta, já que, o apelante conhecia o dever constitucional de instaurar procedimentos licitatórios para compra de medicamentos e insumos hospitalares, autorizou a aquisição direta, ofendendo a legalidade, como bem elucidado na sentença.

Assim, o desembargador manteve a sentença de primeiro grau inalterada, ressaltando o evidente dano ao erário.

Prefeitura prestação de contas

Deixe seu Comentário

Leia Também

Justiça
Najila comparece à delegacia com novo advogado
Justiça
Toffoli marca julgamento sobre porte de drogas e frete rodoviário
Justiça
Alexandre de Moraes suspende ações sobre demissão imotivada em estatal
Justiça
Juiz absolve garçom que esfaqueou Bolsonaro e manda interná-lo
Justiça
Incluindo figuras políticas, lista de testemunhas do "caso cheque" chama a atenção
Justiça
TRF1 mantém bloqueio de verbas a universidades
Justiça
Funcionário que tentou envenenar empresários vai a júri
Justiça
Paulo Passos fará palestra de abertura do III Encontro Nacional do MP, em Brasília
Justiça
Judiciário lança painel de combate a notícias falsas
Justiça
São Gabriel ganha novo Fórum

Mais Lidas

Cidade
Confira a lista de habilitados para sorteio de unidades habitacionais na capital
Cidade
Campo-grandenses se unem e ajudam família que caiu em golpe da falsa encomenda
Polícia
Pai mata filho de 7 anos após convencê-lo de que brincariam juntos
Polícia
Vídeo: Homem é executado por pistoleiros em oficina