Menu
Busca segunda, 17 de janeiro de 2022
(67) 99647-9098
Justiça

Qualificações são derrubadas e Cristhiano Luna é condenado a 10 anos de prisão

Ao invés de homicídio qualificado, condenação foi por lesão corporal seguida de morte

01 dezembro 2021 - 16h47Méri Oliveira

Em júri popular realizado hoje (1º), a defesa de Cristhiano Luna de Almeira conseguiu a condenação de 10 anos, após derrubar as qualificadoras do crime de homicídio pelo qual o réu era acusado, passando a ser lesão corporal seguida de morte, na qual a vítima Jefferson Bruno Gomes Escobar, que era segurança da Valley Pub, morreu após confronto corporal com o acusado. 

Cristhiano recebeu do juiz Aluízio Pereira dos Santos, da 1ª Vara do Tribunal do Júri a sentença de 8 anos e seis meses de reclusão por lesão corporal seguida de morte; e um ano e seis meses de prisão, com 20 dias-multa pela acusação de injúria racial, cometida contra um garçon da Valley, fato que teria dado início à confusão que terminou com a morte de Brunão. 

Luna deve responder em liberdade, já que tem habeas corpus concedido pelo Supremo Tribunal Federal (STF). A defesa de Cristhiano, que afirmou durante o julgamento que se não fosse a mídia, a acusação seria de lesão corporal seguida de morte, informou que vai recorrer da decisão. 

Relembre o caso

Em 2011, Jefferson Bruno Gomes Escobar era segurança na casa noturna Valley Pub, quando teve que retirar Cristhiano de dentro do estabelecimento por importunação contra um garçom. Com isso, houve um embate físico entre "Brunão", como era conhecido, e Cristhiano, culminando com a morte do segurança ainda no local.

Em 2017, Luna foi julgado e condenado a 17 anos e seis meses de prisão em regime fechado por homicídio duplamente qualificado, por motivo torpe e recurso que dificultou a defesa da vítima. Após recurso da defesa, a pena foi reduzida para 14 anos e 11 meses e, posteriormente, devido a outro recurso que apontou supostas irregularidades, o julgamento foi anulado.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

Justiça
Justiça rejeita pedido de prisão contra Bonner por incentivo à vacinação
Justiça
Por "má-fé", Ministério Público é condenado em São Paulo
Justiça
Gato Frajola ganha na justiça direito a guarda comunitária
Justiça
MP entrega nova lista sêxtupla para Tribunal de Justiça
Justiça
Gol terá de contratar serviço de busca para localizar cachorra perdida em aeroporto
Justiça
Juíza manda reduzir jornada de mãe de criança com deficiência
Justiça
MPF oficia Twitter para esclarecer ausência de canal de denúncias de fake news sobre Covid
Justiça
Lewandowski extingue pedido sobre vacinação de crianças
Justiça
Procuradoria abre investigação com base na CPI da Pandemia
Justiça
Confira o calendário oficial aprovado pelo TSE para eleições de 2022

Mais Lidas

Geral
Procura por Tânia entra no oitavo dia; militares seguem sem encontrar pistas da idosa
Polícia
Corpo de idosa é encontrado nua e com ferimentos na cabeça próximo a cemitério
Polícia
Motociclista morre após bater na traseira de caminhão parado na Vila Popular
Polícia
Idosa morre após ser arremessada de carro em acidente na BR-060