Menu
Busca quarta, 26 de janeiro de 2022
(67) 99647-9098
Governo - conta energia
Justiça

Recurso contra Olarte e Bernal é suspenso no TJMS

O relator do processo deu provimento, mas o desembargador Rasslan pediu vistas

06 julho 2021 - 14h27Juliana Alves

Estava na pauta de julgamentos da 1ª Câmara Civel do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul na tarde dessa terça-feira (06) a apelação cível do Ministério Publico Estadual contra a sentença que julgou improcedente a ação onde Gilmar Olarte e Alcides Bernal são acusados de improbidade administrativa nas prorrogações de prazo e na execução dos contratos de serviços públicos funerários da capital. 

O relator do processo, desembargador Sergio Fernandes Martins, deu provimento ao recurso, mas houve um pedido de vistas do Desembargador Marcelo Câmara Rasslan. Agora o processo ainda não tem nova data para ser julgado.

Na ação o MP alega que é claro que Olarte e Bernal, enquanto gestores do município de Campo Grande determinaram sucessivas instaurações e revogações de procedimentos licitatórios buscando a contratação de empresa especializada em manutenção dos cemitérios municipais.

O parquet pede pelo provimento do recurso e a condenação de Gilmar Antunes Olarte e Alcides Jesus Peralta Bernal pelo crime de improbidade administrativa, e que seja declarada a suspensão dos direitos políticos de três a cinco anos de ambos e o pagamento de multa.

Corumba - vacinação

Deixe seu Comentário

Leia Também

Justiça
Tenente é denunciada por torturar aluno durante treinamento dos bombeiros
Justiça
Com tornozeleira eletrônica, Roberto Jefferson deixa a prisão
Justiça
“Em último caso, família autoriza exumação do corpo”, diz advogado sobre suposto filho de Jamil Name
Justiça
Justiça condena homem que teve Covid e saiu de isolamento para ver jogo
Justiça
Justiça de MS tem dois novos desembargadores
Justiça
Jovens falsamente acusados de roubo são absolvidos depois de 1 mês apreendidos
Justiça
Justiça ordena que Banco do Brasil coloque trabalhadores em home-office
Justiça
STF cobra estados e o DF sobre aplicação de vacinas erradas nas crianças
Justiça
TJMS elege novo desembargador
Justiça
Ministro Barroso avalia banir o Telegram no Brasil

Mais Lidas

Geral
Inscrições para Lote Urbanizado na capital terminam dia 31 de janeiro
Polícia
Garota de 14 anos planeja e executa a morte da tia a facadas
Geral
Justiça discute partilha de bens de R$ 500 milhões de Marília Mendonça
Polícia
Mulher vai trabalhar de diarista, furta celular e esconde R$ 20 mil em joias no corpo