Menu
Busca sexta, 03 de julho de 2020
(67) 99647-9098
Opinião

TROCAR O CERTO PELO DUVIDOSO

Médico alerta para as eleições deste ano

06 março 2020 - 11h13Alicio Mendes

Campo Grande é uma cidade que não tem muitas razões para reclamar da maioria dos Administradores que por aqui passaram, ressalvando-se a lamentável administração passada que trouxe um verdadeiro caos  para todos os setores da vida  pública do Município.  Portanto, é preciso que o eleitor  tenha bastante cuidado para não trocar o certo pelo duvidoso, como aconteceu, depois que o Nelsinho entregou as chaves  da nossa Cidade para um aventureiro, levado ao poder  pela simples vontade de se promover uma mudança. Mas mudar pra que? Porque deveríamos deixar de dar  continuidade às administrações ANDRE  e TRAD se elas foram de uma competência extraordinária, transformando a Capital à época,  numa cidade moderna e das melhores avaliadas do país. Mas o povo quiz mudar, e demos com os burros nágua. Campo Grande empestiou-se,  não apenas no aspecto físico, abandonada e desleixada, mas também  no campo  moral , ético e econômico , sem que sequer o respeito existisse entre os Poderes. 

Sabemos que nas redes sociais, o anceio por mudanças do quadro políco-jurídico  do Brasil é um fato insofismável, e a vontade do povo é a vontade de Deus, mas isso se faz sentir em relação a mudanças no Legislatio e setores da Justiça que cairam no completo desagrado da população, por motivos óbvios. O Povo Brasileiro já está escaldado o suficiente para poder separar o joio do trigo e saber o que tem que mudar. Já não existe mais, espaço para os oportunistas que no passado usaram de uma voz bonita , do carisma e outras artimanhas , para enganar o eleitor . As próximas eleições municipais, certamente que haverão de demonstrar isso. É  certo que os bons deverão ser reconhecidos , porque é injusto  considerar a Classe Política como um mal absoluto. Nos Governos passados  ficou constatado que não apenas os governantes foram os culpados pela sangria dos nossos cofres públicos. Onde há corruptos, ali está também o corruptor e parte do empresariado forte do país, participou  dos escândalos e da pouca vergonha.

Voltando ao tema, Campo Grande não pode mais se dar ao luxo de novas experiências no campo da sua administração, e sabemos que existem políticos e políticos, e como disse, o eleitor já sabe disso, e um exemplo irrefutável ,  foi a extraordinária votação recebida pelo ex prefeito, Senador Nelsinho Trad nas últimas eleições. E  estamos a perceber que ele tem sido o grande destaque do Senado Federal da atual legislatura.  Dizem que os exemplos vem de casa, e nada mais certo do que isso, ao analizarmos a trajetória  da Fanília Trad, em tempo resgatada,  pioneira da nossa história, alicerçada pelo Patriarca Professor Doutor NELSON TRAD, de saudosa memória,  e orgulho da Classe Jurídica e Política.

Nosso atual Prefeito por sua vez, não tem fugido às orígens . Sua carreira política foi pautada pelo trabalho consciente de quem tem um nome para zelar. Ao tomar posse, como Prefeito, somos testemunhas de que ele recebeu de seu antecessor, uma cidade abandonada e arrazada sob todos os aspectos. Poucos acreditavam que poderíamos voltar a ter, uma cidade como era. Até mesmo percistia  a dúvida se voltaríamos a poder transitar em nossas ruas e avenidas,  então,  em deplorável estado. Marquinhos trocou o legislar pelo executar,  e a surpreendente recuperação da Cidade Morena é hoje  uma realidade .

Então, fica provado que administrar é para quem sabe e não para quem fala. Costuma-se dizer que em time que está ganhando não se meche. Portanto, é preciso pensar bem, antes de trocar o certo pelo duvidoso.

Totem_Alcool Gel

Deixe seu Comentário

Leia Também

Opinião
Lixão e a oportunidade perdida
Opinião
E o Rio Piquiri?
Opinião
O papel do Fundeb para a educação brasileira
Opinião
UM ANTICLINAL
Opinião
ESTADO, ECONOMIA E A COVID-19
Opinião
Violência contra as mulheres em tempos da pandemia do Covid-19: uma doença social que se agrava
Opinião
O mundo pós Pandemia COVID-19
Opinião
Educação, Saúde e um mea culpa necessário
Opinião
Dúvidas e conclusões
Opinião
Como consultar a Tabela Fipe?

Mais Lidas

Política
Nelsinho diz que Brasil deve fazer sua narrativa sobre a Amazônia
Polícia
Após assediar jovem, perseguidor do Sedan prata é liberado pela polícia
Geral
"Crianças estão imunes ao coronavírus", diz Marcelo Crivella
Política
Ministério da Segurança ainda pode ser recriado pelo Governo