Menu
Busca terça, 19 de janeiro de 2021
(67) 99647-9098
Governo Futebol
Polícia

Embriagado, dono do Crajubar desacata PM por ser "tenente da Base"

Autor estava em uma aglomeração em frente ao bar, se recusou a mostrar o alvará e desobedeu a guarnição

29 novembro 2020 - 09h00Da redação

A Polícia Militar realizava rondas no Itanhangá Park na noite de sábado (28), quando localizaram aglomeração no CrajuBar, na avenida Joaquim Murtinho e dois foram parar na delegacia por desacato e desobediência.

De acordo com o boletim de ocorrência, por volta das 22h50, a PM realizava ronda ostensiva na avenida Joaquim Murtinho, e ao constatarem uma aglomeracao de pessoas em frente ao bar, pararam no local e pediram ao atendente Thiago para apresentar o alvará de funcionamento.

Nesse momento Thiago teria afirmado que o alvará estava em seu notebook, atras do balcão de atendimento e  ao ser questionado o porquê do documento não se encontrar em local visível e de fácil acesso, o homem demonstrou grande nervosismo, "momento em que  aumentou o tom de voz, afirmando que, se a guarnição desejava o alvará, era pra pegar no notebook dele, bem como começou a fazer pouco caso da presença da guarnição policial", cita o boletim de ocorrência.

O atendente começou a fazer chacota com a guarnição e disse "se você quiser meu Notebook ta aí", momento em que um outro homem, identificado como Gustavo Selvatico em visível estado de embriaguez começou a desacatar o comandante da guarnição, dizendo que o bar era dele e que os policiais não tinham nenhuma autoridade para estar naquele local, nem mesmo pedir para ver o alvará de funcionamento, pois o bar era dele e ele é Tenente da Base Aérea, portanto, superior ao subtenente, e que os policiais militares não eram nada.

Logo após, exaltado, começou a gritar e a desacatar os militares. Diante disso, foi dada voz de prisão por desacato aos envolvidos, os quais desobedeceram a prisão, sendo necessário o uso de algemas em Gustavo, bem como houve a necessidade de solicitar apoio das viaturas do Tático para conter um grupo de companheiros dos autores que desobereceram a prisão. 

Já na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) do Centro o suposto tenente da base apresentou cédula de identidade de médico e após verificação foi constatado que ele é médico licenciado da base.


 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Mulher é agredida após descobrir que companheiro estuprou neto
Polícia
Após reclamar de arroz, mulher é espancada pelo marido na frente do filho de 6 anos
Polícia
Vendedor espanca menino de 10 anos que comeu banana sem permissão
Polícia
Bandidos quebram cadeados de comércio e levam carnes, balança e linguiça
Polícia
Duas pessoas morrem em acidente envolvendo S10 e carreta
Polícia
Mulher morre carbonizada, e suspeita é de que uma lamparina causou o fogo
Polícia
Suspeito de homicídios é preso em Dourados
Polícia
Fugitivo da cadeia invade casa de sogra de PM e acaba preso no Monte Castelo
Polícia
Mãe encontra filho morto após vê-lo triste e deprimido
Polícia
Rapaz é agredido com socos por quatro bandidos e roubado no Tiradentes

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio