Menu
Busca terça, 07 de fevereiro de 2023
(67) 99647-9098
Polícia

Funcionário é chamado de "preto imundo" em empresa de Dourados

O autor ainda tentou agredir a vítima com uma cadeira e foi contido pelo patrão

09 março 2022 - 08h05Taynara Menezes
Sebrae Materia

Um homem, de 36 anos, foi vítima de racismo na empresa que trabalha em Dourados. O rapaz alega que tem sofrido perseguição do filho do dono do local, e nesta terça-feira (08), foi insultado chamado de “preto imundo, sem vergonha, safado e vagabundo” e tentou agredir a vítima com uma cadeira.

Conforme o boletim de ocorrência, a vítima trabalha em uma empresa de alimentos e há quatro meses tem sido perseguido pelo filho do dono do estabelecimento, que é alugado pelo patrão do rapaz, e na tarde de ontem o autor partiu para agressão verbal na frente de outros colegas e ainda tentou bater no rapaz com uma cadeira, mas foi contido pelo patrão. 

O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) de Dourados como injúria racial. Se comprovado, o acusado está sujeito à reclusão de 1 a 6 meses ou multa, conforme o artigo 140 do Código Penal Brasileiro.

 

Sebrae Materia

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Jovem morre 23 dias após ser baleado em conveniência no Santa Luzia
Polícia
Golpe tenta extorsão de consumidores de pornografia
Polícia
Homem é preso traficando em Sidrolândia
Polícia
Menino de 11 anos é atropelado e arrastado por seis metros em MS
Polícia
Carga de cocaína avaliada em R$ 5 milhões é apreendida na fronteira
Polícia
Operação Lesa Pátria já cumpriu 17 mandados de prisão
Geral
Denúncias de crimes na internet com discurso de ódio crescem em 2022
Cidade
#JustiçaPorSophia domina redes sociais após morte de criança na Capital; assista
Polícia
Carro fica destruído ao atingir poste e motorista em estado grave na Capital
Polícia
Laudo comprova que Isadora foi estuprada antes de ser morta

Mais Lidas

Geral
Melhores do ano CG: especialista alerta para golpe no Instagram
Polícia
JD1TV: Depoimento de motorista de aplicativo desmente relato da mãe de Sophia
Polícia
Polícia fecha boca de fumo e prende quatro envolvidos no Parque Lageado
Polícia
Delegada revela que mãe e padrasto de Sophia planejaram mentir para a polícia