Menu
Busca quinta, 21 de fevereiro de 2019
(67) 99647-9098
Polícia

“Jovem foi abusado por servidor quando tinha sete anos”, diz delegado

A vítima relatou o abuso apenas quando atingiu a maior idade

09 agosto 2018 - 14h47Da redação

Um jovem de 18 anos foi o primeiro a denunciar o servidor público Walter Luíz da SilvaP 50ara compartilhar o conteúdo do link https://www.jpnews.com.br/tres-lagoas/laudos-comprovam-estupro-em-dois-garotos-e-policia-prende-suspeito/114353/ utilize os botões de compartilhamento da página. , 50 anos, preso na manhã desta quinta-feira (9) sob acusação de abuso sexual contra crianças, em Três Lagoas. O rapaz relatou que sofreu violência sexual por parte do acusado quando tinha sete anos.

Em entrevista ao JD1 Notícias o delegado responsável pelo caso, Roberto Guimarães, afirmou que, inicialmente, o jovem procurou o Ministério Público para denunciar o fato. “O MP instaurou um inquérito e a denuncia chegou até a delegacia de Três Lagoas”, relatou. Guimarães ouviu o jovem e, segundo o relato, os abusos continuaram até que os 14 anos.

Em seu depoimento, o rapaz afirmou que, só procurou a polícia após assistir a uma novela onde um personagem que foi abusado quando era menor, denunciou o autor quando atingiu a maior idade. “Isso encorajou a vítima a relatar os abusos que sofreu quando era criança”, contou o delegado.

Existia a denúncia de outra vítima, de sete anos, o delegado ouviu a criança que estava acompanhada da mãe. Com base no depoimento do garoto, outra vítima de cinco anos, foi descoberta. As duas foram submetidas a uma avaliação psicológica que confirmaram os fatos.

Com base no depoimento e nos exames psicológicos, o delegado entrou com pedido de busca e apreensão e prisão preventiva de Walter, que foram cumpridas nesta manhã. Na casa onde o acusado mora foi apreendido dois celulares antigos que serão submetidos à perícia.

O servidor foi interrogado nesta manhã e negou os fatos. “Como de costume nesses casos, os acusados negam as acusações, mas os depoimentos são firmes e não restam dúvidas que os crimes aconteceram”, relatou o delegado.

Guimarães não informou onde os abusos foram executados. “Os crimes não tem relação com a profissão do acusado que é servidor público da Secretaria de Educação e Cultura”, disse o delegado ao ressaltar que o servidor não era treinador em uma escola de futebol, como noticiado anteriormente. “Ele foi apenas um voluntário que trabalhou na escolinha”, afirmou.

O acusado está preso na 1ª Delegacia de Polícia de Três Lagoas e será transferido para Presídio de Segurança Média da cidade.

Sesc Novo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Acidente entre moto e caminhão deixa um morto na MS-306
Polícia
Jovem comete suicídio na residência onde morava
Polícia
PF deflagra operação contra pedofilia em cidades de MS
Polícia
Dupla em motocicleta atira e acerta rosto de policial, na fronteira
Polícia
Idosa é espancada a pauladas por ladrão
Polícia
Recém-nascido é encontrado embaixo de tanque de lavar roupas
Polícia
Homem é preso com arquivos de pornografia infantil no celular
Polícia
Depois de sair de festa, jovem morre ao capotar veículo no centro
Polícia
Homem é preso pela segunda vez por tráfico de drogas em menos de um ano
Polícia
Acusados de executar jovem a facadas se entregam à polícia

Mais Lidas

Polícia
Depois de sair de festa, jovem morre ao capotar veículo no centro
Cidade
Evite ser multado, saiba onde estão os radares nas ruas da capital
Polícia
Dupla em motocicleta atira e acerta rosto de policial, na fronteira
Cidade
Prefeitura convoca aprovados em processo seletivo para merendeiro