Menu
Busca quinta, 29 de julho de 2021
(67) 99647-9098
Senai - EAD_senai_tecnico
Polícia

Lava jato sem autorização é fechado após contaminar rio Paraguai

Todos o produtos eram lançados diretamente na rede de escoamento de águas pluviais

14 janeiro 2019 - 15h34Da redação com assessoria

Um lava jato que funcionava ilegalmente na cidade de Ladário foi fechado pela Policia Militar Ambiental de Corumbá, na manhã desta segunda-feira (14).

Os militares chegaram ao local após uma denúncia de que o lava jato funcionava de forma irregular, o proprietário não possuía nenhum tipo de autorização e não tinha nenhum dispositivo de tratamento dos resíduos.

Todos o produtos eram lançados diretamente na rede de escoamento de águas pluviais e seguiam para o rio Paraguai, causando contaminação. As atividades foram paralisadas e o proprietário da empresa foi autuado administrativamente e multado em R$ 1 mil.

O autuado responderá por crime ambiental de funcionar atividade potencialmente poluidora sem autorização ambiental. Se condenado, poderá pegar pena de detenção de três meses a um ano de detenção. Ele também foi notificado a regularizar as atividades.

Cruzeiro do Sul - 44 anos

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Homem é preso roubando pneus de carros em frente à delegacia
Polícia
Mãe é presa por autorizar estupro da filha de 12 anos
Polícia
Mulher que usava filhos para tráfico de drogas é presa
Polícia
Após perseguição, polícia apreende 230 quilos de maconha
Polícia
Veículo é apreendido "recheado" com mercadorias contrabandeadas
Polícia
Mulher é esfaqueada na cabeça pelo ex-namorado
Polícia
Homem atira na cabeça de cachorro e é preso em MS
Polícia
Cachorro morre de hipotermia no São Conrado
Polícia
Durante operação contra PCC, polícia encontra droga guardadas em roupas de bebês
Polícia
Passageira morre após motorista bêbado provocar acidente na BR-262

Mais Lidas

Geral
Vídeo: 'Rapidinha' na cozinha da errado e casal é flagrado só no love
Geral
Com Covid, Arlindo Namour morre no Proncor
Internacional
Vídeo: jovem tenta gravar dança em guindaste, mas despenca e morre
Polícia
Investigação concluí que enfermeiro do HR estuprou paciente em fevereiro