Menu
Busca domingo, 13 de junho de 2021
(67) 99647-9098
FIEMS - julho21
Polícia

Mulher é assassinada com facada no pescoço ao lado do barraco

Ex-marido é principal suspeito de cometer crime e está foragido

17 maio 2021 - 07h08Marcos Tenório

Valéria Renata faravelli, de 38 anos, foi morta com uma facada no pescoço, na noite deste domingo (16), em Dourados, que fica a 228 km de Campo Grande. A polícia procura por Alessandro dos Santos Silva, de 39 anos, principal suspeito de ter matado com uma facada no pescoço a ex-mulher. 

De acordo com informações do site Ligado na Notícia, a vítima estava sentada em uma cadeira de fio, ao lado de um barraco de lona onde morava, na Rua Antônio do Amaral, no Bairro João Paulo ll, quando o ex-companheiro teria chegado e desferido um golpe de faca no pescoço na altura da garganta.

O suspeito fugiu do local após o crime. Testemunhas acionaram uma equipe do Samu e a Polícia Militar. A equipe socorrista ao chegar no local constatou que a vítima já estava morta. Polícia civil e foi até o local e tentou localizar o suspeito que está foragido.

Genetica 1

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Polícia encontra carro abandonado com 40 kg de maconha
Polícia
Choque encontra Land Rover horas após roubo de quadrilha armada
Polícia
Após denúncia, oito pessoas são presas com diversas armas e munições
Polícia
Polícia localiza bunker do tráfico e 2 adolescentes de 16 anos são detidos
Polícia
Vídeo: Traficante confronta policiais e acaba baleado
Polícia
Proprietários são multados em R$ 30 mil por degradação de matas
Polícia
Carro "recheado" com contrabando de cigarro é apreendido
Polícia
Homem chega bêbado em casa e apanha da esposa com um pedaço de pau
Polícia
Homem morde e ameaça companheira e alega estar com "cão no couro"
Polícia
PRF recupera dois veículos na BR-262 e frustra golpe em locadora

Mais Lidas

Geral
Ex-chiquitita ganha Porsche no 1º Dia dos Namorados
Geral
Vídeo: cadeiradas e vassouradas rolam soltas em 'quebra pau' no MC Donald's
Internacional
Em 40 segundos, pescador é engolido e cuspido vivo por baleia jubarte
Geral
Sérgio Murilo deve deixar secretaria