Menu
Busca sábado, 11 de julho de 2020
(67) 99647-9098
Governo dengue 02 - Atitude
Polícia

Mulher é obrigada a se esconder em quintal de terreno para ser estuprada

Vítima precisou de atendimento médico, e o autor não foi encontrado

30 maio 2020 - 15h20Sarah Chaves, com informações do Pantaneiro

A Polícia Militar foi acionada na sexta-feira (29), com a informação de que uma mulher de 22 anos, havia dado entrada no Hospital Regional Renato Albuquerque vítima de violência sexual em Miranda.

Conforme O Panteneiro, a PM foi ao hospital onde a vítima relatou que andava a pé pela rua Rui Barbosa, quando foi abordada por um homem de camiseta vermelha e tênis preto, que a obrigou a ir para um quintal de um terreno próximo, onde a estuprou por aproximadamente 10 minutos.

Em seguida ele a abandonou no local e fugiu. A mulher recebeu atendimento médico necessário 

A guarnição da Polícia Militar realizou rondas pelas imediações, mas não conseguiram localizar o suspeito, e a Polícia Civil investiga o caso.

PMCG Refis

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Idoso cai do 8º andar, sobrevive e está em observação na Santa Casa
Polícia
Fiscalização em padaria termina com confusão e gritos de “comunista”
Polícia
Polícia encontra outra cobra de jovem picado por naja
Polícia
Mulher de Queiroz se apresenta à polícia, diz portal
Polícia
Bombeiros colidem com capivara ao ir socorrer motorista que colidiu com anta
Polícia
Casal é preso após agredir mulher em frente de viatura
Polícia
Travesti ameaça e rouba idosa enquanto ela entrava em casa na Vila Carvalho
Polícia
Toque de Recolher prende 7 por descumprimento da medida
Polícia
Queiroz deixa a prisão usando tornozeleira eletrônica
Polícia
Briga termina com guarda baleado e homem preso

Mais Lidas

Saúde
Frigorífico interrompe atividades para frear surto de coronavírus em Juti
Polícia
Idoso cai do 8º andar, sobrevive e está em observação na Santa Casa
Geral
“Imagem de Jesus” é encontrada em tronco de árvore podado no interior
Geral
Mega-Sena pode pagar R$ 40 milhões neste sábado