Menu
Busca segunda, 06 de fevereiro de 2023
(67) 99647-9098
Polícia

Vendedor de balas em semáforos da Capital é agredido e assaltado

Ele disse à polícia que antes do crime, suspeito lhe pediu R$ 0,50

09 maio 2022 - 16h11Brenda Leitte, com G1 Notícias
Sebrae Materia

Um vendedor de balas foi agredido e assaltado na noite do último domingo (08), no Centro de Campo Grande. Antes do crime, o suspeito, pediu R$ 0,50 à vítima.

O homem de 38 anos contou à polícia que vendia balas no semáforo do cruzamento da avenida Afonso Pena com a rua Rui Barbosa quando o suspeito se aproximou e pediu dinheiro.

Quando o vendedor foi pegar a quantia, o suspeito pegou o dinheiro e o celular que estavam nas nãos dele e bateu nas costas com um cabo de vassoura. Com a agressão, a vítima caiu no chão e o assaltante pegou a carteira que estava no bolso e saiu correndo.

Depois do assalto, o vendedor denunciou o caso à polícia, sendo registrado como roubo. Nenhum suspeito foi identificado.

Sebrae Materia

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
Passageiros de ônibus são presos com mais de 20 kg de cocaína
Polícia
Rapaz é preso após quase atropelar policial durante abordagem em MS
Polícia
Idoso é preso após tentar matar o 'amigo' durante discussão em Ponta Porã
Polícia
Polícia fecha boca de fumo e prende quatro envolvidos no Parque Lageado
Polícia
JD1TV: Depoimento de motorista de aplicativo desmente relato da mãe de Sophia
Polícia
Pai de Sophia relatou maus-tratos um ano antes da morte, mas desistiu da denúncia
Polícia
Delegada revela que mãe e padrasto de Sophia planejaram mentir para a polícia
Polícia
Homem recebe facada na cabeça e quase é atropelado após briga no Noroeste
Polícia
Ladrões são presos após roubar carro e causar acidente na Gunter Hans
Cidade
Homem foge de hospital enquanto recebia atendimento na Capital

Mais Lidas

Polícia
JD1TV: Corpo é queimado em meio ao lixo no Santa Emília
Polícia
Queimado no Santa Emília foi "embrulhado" em sofá para ser carbonizado
Polícia
Jovem é esfaqueado e tem vísceras expostas no Itamaracá
Polícia
Esfaqueamento no Jardim Itamaracá foi motivado por ventilador roubado