Menu
Busca quarta, 16 de janeiro de 2019
(67) 99647-9098
IPVA Grande
Política

Aprovado projeto que institui a gestão democrática na REME

O Projeto de autoria do executivo dispõe sobre a eleição direta para diretores e diretores adjuntos nas escolas da rede municipal

17 maio 2018 - 16h49Da redação com CMCG

Foi aprovado na sessão desta quinta-feira (17) da Câmara Municipal de Campo Grande o Projeto de Lei 8.877/18, que institui a gestão democrática e dispõe sobre a eleição direta para diretores e diretores adjuntos das unidades escolares e diretores dos centros de educação infantil da Rede Municipal de Ensino (REME).

O Projeto de Lei de autoria do Executivo tem o intuito de incluir os centros de educação infantil da REME como parte integrante do processo democrático de eleição para diretores e diretores adjuntos.

Com a lei aprovada agora as eleições para as unidades de ensino da Reme serão convocadas por edital, publicado no Diário Oficial da Capital (Diogrande). Os atuais diretores e diretores adjuntos em exercício nas unidades de ensino podem candidatar-se ao primeiro pleito eleitoral da Reme.

Os professores estiveram presentes durante a sessão, para acompanhar a votação do Projeto de Lei. Todos estavam vestindo uma camiseta preta em prol da campanha criada pela ACP (Sindicato Campo-Grandense dos Profissionais de Educação Pública) com os dizeres: ELEIÇÕES DIRETAS REME JÁ!

Para o presidente da ACP, Lucílio Souza Nobre, com a aprovação do projeto são pais, professores, funcionários e alunos que escolhem o diretor. “Passando o poder para a comunidade os projetos dos diretores têm início, meio e fim. Nos últimos anos, aconteceram as muitas trocas de secretário e com isso troca de diretores e diretores adjuntos. Isso quebra o trabalho que está sendo desenvolvido porque ele (o diretor) que cuida de tudo está envolvido com todas as partes da escola. Quando você o tira a comunidade perde a referência”, frisou.

Sesc Novo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Decreto para posse de armas tem novos critérios
Política
Vídeo - Decreto que flexibiliza a posse de armas é assinado por Bolsonaro
Geral
Porta voz de Bolsonaro foi comandante de regimento em MS
Política
Convênio do transporte escolar prevê R$ 32 milhões para as prefeituras de MS
Política
Presidente assinará decreto que flexibiliza a posse de armas, segundo a Casa Civil
Política
Macri se reúne com Bolsonaro nesta quarta-feira
Política
Soraya assumirá o PSL em MS; David e Ovando excluídos
Política
Empresas menores querem reduzir impacto da nova taxa do lixo
Política
Taxa de lixo será debatida pelos vereadores hoje na capital
Política
Decisão de Tofolli, permitirá venda de unidade da Petrobras em Três Lagoas

Mais Lidas

Polícia
Após corte de energia em “região proibida”, dois funcionários são executados
Polícia
Suspeito de matar merendeira já foi preso por morder genitália de vizinha
Geral
“Não compensa”, diz sindicalista sobre tempo integral no governo
Cidade
Motorista de ônibus morre em acidente na BR-163