Menu
Busca segunda, 26 de outubro de 2020
(67) 99647-9098
TJMS outubro20
Política

Delcídio destaca afinação da área econômica do governo no combate a inflação

08 maio 2011 - 06h10ACS

A audiência publica com o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, nesta quinta-feira, 5, na Câmara dos Deputados, mostrou que a área econômica do governo da presidente Dilma Rousseff está absolutamente afinada no desafio de combater a inflação, tendo como âncora o crescimento e a distribuição de renda, disse o senador Delcídio do Amaral (PT/MS), integrante da mesa que comandou os trabalhos na sessão especial que reuniu representantes de seis comissões da Câmara e do Senado.

Foi a segunda audiência pública do alto comando da economia do governo federal no Congresso em menos de uma semana. A primeira, com o ministro da Fazenda, Guido Mantega, aconteceu na última terça-feira na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado Federal, presidida pelo senador Delcídio do Amaral.

“Acho que o presidente do BC, Alexandre Tombini, está muito bem articulado com o ministro da Fazenda. Se você olhar a audiência pública do ministro Mantega com a do Tombini, perceberá que ambos estão absolutamente articulados. É evidente a preocupação do Brasil com a inflação, e a âncora da inflação é o crescimento, com distribuição de renda, e não tenho dúvida de que o Banco Central conduz isso com extrema competência, com serenidade e equilíbrio”, comentou o parlamentar sul-mato-grossense.

No debate com os deputados e senadores, Tombini disse que o fluxo de recursos externos para o país desde janeiro deste ano alcançou US$ 54 bilhões, e destacou a atenção que o Banco Central está tendo com o fato de essas entradas envolverem forte movimento de captações diretas de empresas e de bancos, estimadas em US$ 30 bilhões, trazendo a preocupação de que possam gerar impactos inflacionários devido ao aumento da liquidez, além de riscos potenciais à estabilidade financeira. Segundo ele, durante todo o ano de 2010, as captações de empresas e bancos acumularam apenas US$ 14 bilhões e, em 2009, o saldo foi negativo.

Como reação ao movimento de ingressos desses recursos, Tombini citou o aumento anunciado pelo governo no Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), que passou para 6% no início de abril sobre as transações com prazo inferior a dois anos, para a permanência dos recursos no país, com o objetivo de evitar risco à estabilidade da economia brasileira numa eventual reversão do fluxo de capital.

Na avaliação do senador Delcídio, as medidas macro-prudenciais segurando o crédito para que o Brasil tenha crescimento, e o controle de capital, principalmente em relação ao aumento do IOF, já estão fazendo efeito.

“O governo está olhando a inflação e também a questão fiscal com muito cuidado. Na habilidade do Banco Central e da política econômica do Ministério da Fazenda, o objetivo é contemplar todas essas variáveis para colocar a inflação nos eixos. Em junho, julho e agosto do ano passado nós tivemos uma inflação quase próxima a zero e quando você anualiza, repercute, mas ainda dentro da margem entre 4,5% e 6,5%, com a tendência de se chegar em abril de 2012 com uma inflação já dentro do centro da meta de 4,5%”, acredita Delcídio.

CertFica

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Confira a agenda dos candidatos a prefeito nesta segunda
Política
Pesquisa IPR mostra Marquinhos com 53.36% dos votos válidos
Política
Vítima da Covid, morre Hermes pai do vereador André Salineiro
Política
Carreta passa por cima de carro na BR-262 e mata pai, mãe e filho
Política
Presidente da Câmara dos Deputados afirma que PEC da Guerra não será prorrogada
Política
FETEMS fará debate
Política
Confira a agenda dos candidatos nos bairros da capital nesta sexta
Política
AO VIVO: O que Cris Duarte quer fazer por Campo Grande?
Política
Vídeo: Bolsonaro visita Pazuello, um dia após diagnóstico de covid
Política
Pesquisa mostra terceira via em Corumbá

Mais Lidas

Polícia
Policiais são cercados por grupo de 40 pessoas em conveniência no Nova Lima
Saúde
Quinze pediatras em três UPAs farão o atendimento infantil nesta manhã
Política
Confira a agenda dos candidatos a prefeito nesta segunda
Geral
"Bombadão" capota veículo e morre na MS-147