Menu
Busca domingo, 17 de janeiro de 2021
(67) 99647-9098
Governo Futebol
Política

Governador decreta luto de três dias em razão do falecimento de Roberto Orro

Ex-deputado faleceu na noite de ontem aos 83 anos

24 novembro 2020 - 11h46Gabrielly Gonzalez

Nesta terça-feira (24), durante sessão na Assembleia Legislativa, parlamentares prestaram suas últimas homenagens ao legado do ex-deputado estadual Roberto Orro na política do Estado. Presidente da Assembleia, Paulo Corrêa (PSDB) fez reverência às lutas de Orro pelos direitos da população sul-mato-grossense. “Sua paixão pelo debate de ideias e pela democracia e seu incessante trabalho por sua região e seu Estado ficarão marcados eternamente na memória de todos”, declarou Corrêa.

Durante a sessão, a maioria dos deputados que proferiam a palavra, mencionou a importância que o ex-deputado tem para a história da Câmara e de toda a política do Estado. Além de mensagens direcionadas à família, principalmente ao deputado estadual, Felipe Orro (PSDB), filho de Roberto.

O governador Reinaldo Azambuja decretou luto de três dias em Mato Grosso do Sul, em razão do falecimento do ex-deputado estadual Roberto Orro na noite de ontem (23). Azambuja lamentou a perda do líder e registrou sua solidariedade ao deputado Felipe Orro, à família e ao povo de Aquidauana.

História:

Formado em Direito pela Faculdade de Ciências Jurídicas do Rio de Janeiro, Roberto Orro foi um dos fundadores do MDB, elegeu-se o vereador mais votado por Aquidauana em 1976 e, em 1978 foi eleito deputado estadual, fazendo parte da Constituinte do novo Estado.

Em 1986, foi eleito suplente do senador e assumiu a Secretaria Estadual de Justiça, e nesta função criou os Conselhos Estaduais de Direitos Humanos, do Índio, do Negro e da Mulher

Orro teve quatro mandatos como deputado estadual da Assembleia, inclusive sendo presidente da Casa de Leis de fevereiro de 1995 a janeiro de 1997. Na sua gestão fez a integração do Parlamento à internet, para que a população tivesse mais acesso ao trabalho dos deputados.

Roberto Orro sempre foi um defensor dos diretos humanos e a favor da anistia e redemocratização do Brasil na década de 80.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
'Placar do impeachment' de Bolsonaro ganha força; 148 deputados se posicionaram
Política
No Twitter, Maia é pressionado a pautar impeachment de Bolsonaro
Política
Vídeo: Frota anuncia que será candidato à presidência da Câmara
Política
“Governo faz além do que pode”, diz Mourão sobre situação em Manaus
Política
Bolsonaro assina decreto que regulamenta programa Casa Verde e Amarela
Política
“Todos os meios foram disponibilizados”, diz Bolsonaro sobre cenário em Manaus
Política
Azambuja lança pacote de R$ 376 milhões para pavimentação e restauração de estradas
Política
Nelsinho pede prorrogação da “meia folha” para beneficiar empresas
Política
Vereador é empossado de dentro da cadeia
Política
Covid: com 24 votos favoráveis, Câmara aprova compra de vacinas na capital

Mais Lidas

Polícia
Jacaré é capturado dando 'rolê' em cidade de MS
Internacional
Estados Unidos inicia vacinação contra a Covid-19 em Nova York
Polícia
Morador de rua tenta matar desafeto a pauladas no interior do Estado
Polícia
Briga por capacete acaba em tentativa de homicídio