Menu
Busca quinta, 13 de agosto de 2020
(67) 99647-9098
TJMS agosto/20
Política

“Governo é uma usina de crises", diz Rodrigo Maia

Presidente da Câmara rebateu críticas ao relatório de Samuel Moreira

14 junho 2019 - 17h55Rauster Campitelli, com informações do R7

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), rebateu as duras críticas do ministro da Economia, Paulo Guedes, sobre o relatório do deputado Samuel Moreira (PSDB-SP) para a reforma da Previdência. Maia defendeu o texto, ressaltando que o Parlamento está blindado das crises geradas pelo poder Executivo, como a desta sexta-feira (14). "O governo é uma usina de crises", disse.

"Vamos aprovar a reforma da Previdência. Nós blindamos a reforma das crises que são geradas todos os dias pelo governo. Cada dia um ministério gerando uma crise. Hoje infelizmente foi meu amigo Paulo Guedes, numa crise desnecessária, num momento em que o Parlamento assumiu a responsabilidade pela reforma", destacou.

Segundo Maia, a Câmara quer garantir uma economia fiscal de R$ 900 bilhões em 10 anos. A declaração do presidente da Câmara foi dada a jornalistas em uma coletiva de imprensa marcada de última hora. Para ele, o ministro Paulo Guedes não está sendo justo com o Parlamento, "que está comandando sozinho a articulação pela aprovação da reforma".

"Se dependêssemos da articulação do governo, teríamos 50 votos, e não a possibilidade de ter 350, como temos hoje", afirmou, dizendo ainda que é muito triste ver o ministro Paulo Guedes dando declarações como as de hoje. "Na democracia, a coisa mais bonita é respeitar o adversário. E nisso o Guedes falhou", afirmou.

O presidente da Câmara também disse que discorda da fala de Guedes de que uma nova reforma da Previdência terá de ser feita pelo próximo governo, devido à redução da economia fiscal no relatório do deputado Samuel Moreira (PSDB-SP) em relação à proposta original do governo.

"Acho que ele [Guedes] está errado. R$ 900 bilhões é uma economia que está muito próxima de R$ 1 trilhão", disse. "R$ 900 bilhões é uma grande economia para um governo que não tem base", acrescentou.

Senar - agosto2020

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Assembleia reconhece calamidade pública em Dois Irmãos do Buriti
Política
Bico seco: “Vai aliviar o fígado”, brinca Marquinhos
Política
Prefeitura republica decreto e antecipa “bico seco” para amanhã
Política
Decretado: “bico seco” começa a valer a partir de quinta na capital
Política
Marquinhos sanciona Lei que define serviços como atividades essenciais
Política
Capital: Câmara aprova prorrogação do Refis para setembro
Política
Assembleia aprova adicional a contratados do Sistema Penitenciário
Política
Vereadores da capital votam cinco Projetos nessa terça
Política
Coronel David solicita testes em massa à agentes da Segurança Pública
Política
Dourados tem nova troca de secretário de Saúde

Mais Lidas

Geral
Vídeo - Nua, mulher aparece em câmera de vereador durante sessão
Polícia
Rapaz é executado a uma quadra da UPA das Moreninhas
Educação
IFMS abre 54 vagas remanescentes em cursos superiores
Geral
Vídeo: mulheres têm pernas dilaceradas em acidente com ônibus