Menu
Busca sábado, 25 de maio de 2019
(67) 99647-9098
Política

Renan desiste de concorrer à presidência do Senado

Com a desistência, sobraram cinco candidatos na disputa

02 fevereiro 2019 - 17h22Da redação com assessoria

Em um discurso inflamado e indignado, o senador Renan Calheiros (MDB-AL) anunciou há pouco a retirada de sua candidatura à presidência do Senado. “Se eles podem tudo, sou eu que vou ser contra a Constituição? Não sou candidato, para defender a democracia e o interesse do Brasil”, disse.

A eleição estava sendo realizada pela segunda vez hoje, pois foi encontrada uma cédula a mais na urna. Neste momento, os senadores definem como será conduzida a eleição.

Agora são cinco senadores que concorrem à Presidência do Senado: Ângelo Coronel (PSD-BA), Davi Alcolumbre (DEM-AP), Espiridião Amin (PP-SC), Fernando Collor (Pros-AL), e Reguffe (sem partido-DF).

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Reinaldo diz que MS não quebrou porque aprovou reforma
Política
Fábio Trad participa de debate para tribunal contra crimes transnacionais
Política
Sindjor repudia declaração de Soraya
Política
Justiça bloqueia R$ 3,57 bilhões do MDB e PSB
Política
Neno Razuk é eleito presidente estadual do PTB
Política
Bolsonaro vai ao Nordeste e encontra governadores
Política
Bolsonaro se diz contra posicionamentos radicais em manifestações
Política
Três deputados de MS votam a favor do Coaf, na Economia
Política
PSD de Jardim elege presidente do diretório municipal
Política
Após críticas, Bolsonaro altera decreto de posse de armas

Mais Lidas

Cidade
Restaurante Bamboo Sushi é autuado por cobrança excessiva
Geral
Marginal usa OLX para aplicar golpe com WhatsApp de anunciante
Fim de Semana
Gasolina será vendida a R$ 2,50 em dois postos da capital neste sábado
Cidade
Feirão do Imposto terá gasolina a R$ 2,50