Menu
Busca quarta, 28 de julho de 2021
(67) 99647-9098
Senai - EAD_senai_graduação
Política

TRE-MS REALIZA TREINAMENTO PARA VOTAÇÃO PARALELA NESTA SEXTA-FEIRA

17 setembro 2010 - 09h30
O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul está realizando desde segunda-feira treinamentos para o Sistema de Votação Paralela. Nesta sexta-feira, dia 17.09, mais uma turma de auxiliares será treinada. A votação paralela acontece no dia da eleição oficial e no mesmo horário, das 8h às 17h. Esse sistema faz uma simulação de uma eleição e serve para verificar se o somatório dos votos está de acordo com a urna eletrônica e se o voto digitado pelo eleitor é realmente computado na urna, demonstrando a confiabilidade do sistema. O processo ainda mostra para a população que o programa inserido nas urnas faz a soma corretamente. A Votação Paralela vem sendo realizada desde as eleições de 2002, por todos os TREs, em todo o país, durante as eleições. Na semana que antecede o pleito, os fiscais dos partidos votam em cédulas de papel, as quais serão depositadas numa urna de lona. Em seguida, essa urna de lona será lacrada com a assinatura dos fiscais. No domingo, o primeiro passo será abrir a urna de lona, retirar uma cédula qualquer e digitá-la primeiro num programa no computador e, depois, nas urnas eletrônicas sorteadas. Esse procedimento será acompanhado por uma comissão, formada por um juiz, servidores da Justiça Eleitoral, representantes do Ministério Público, e fiscais dos partidos e coligações. O trabalho será todo supervisionado por câmeras filmadoras de empresas contratadas pelo TRE-MS. Ao final dessa votação, serão emitidos os boletins das urnas e o relatório do sistema do computador, sendo que os seus resultados devem ser idênticos, pois o conteúdo das cédulas foi digitado tanto nas urnas quanto no computador. No total, 46 pessoas realizarão os trabalhos da Votação Paralela, sendo 26 servidores do Tribunal de Justiça do Estado, 15 servidores e 5 estagiários do TRE-MS. Os trabalhos da votação paralela são públicos e podem ser acompanhados pela imprensa, entidades representativas da sociedade, e a comunidade em geral.
Vai di Vinho

Deixe seu Comentário

Leia Também

Educação
"Parar de contar mortos, e contar alunos voltando" dispara Riedel 
Política
Ciro Nogueira aceita convite de Bolsonaro e será o novo ministro da Casa Civil
Política
“Atrapalha, mas tem que aturar”, diz Bolsonaro sobre Mourão
Política
Reunião de senador com Bolsonaro é adiada por problema em avião
Política
Bolsonaro diz que menos pessoas morreriam se ele estivesse coordenando a pandemia
Política
Reinaldo e Marquinhos repassam recursos para habitação da Capital nesta segunda
Política
Eleições 2022: Bolsonaro diz que filiação ao PP é uma possibilidade
Política
Bolsonaro defende tratamento precoce e critica 'Protocolo Mandetta'
Política
Escola na área rural de Caracol passará por reforma pelo 'Governo Presente'
Política
Com receita de R$ 18,47 bilhões, governador sanciona LDO para 2022

Mais Lidas

Polícia
Homem enforca familiar após piada com derrota do São Paulo para o Flamengo
Polícia
Nem após cometer suicídio jovem escapa de assalto no Jardim Noroeste
Cidade
Foi selecionado? Prefeitura convoca aprovados em dois processos
Geral
Homem fuma maconha, escala montanha e cai de altura de 12 metros; veja vídeo