Menu
Busca quinta, 24 de janeiro de 2019
(67) 99647-9098
PMCG Balanço super banner
Política

Vereadores votam oito projetos de lei e um veto na sessão ordinária desta quinta-feira

Em segunda votação, o projeto Cadastro Municipal de Violência Contra a Mulher na capital

08 novembro 2018 - 07h24Da Redação com Assessoria

Durante a 69ª Sessão Ordinária da 2ª Sessão Legislativa da 10ª Legislatura, nesta quinta-feira (8), serão votados um veto e oito projetos sendo cinco em segunda discussão e votação e três em primeira. Em única discussão e votação, será votado o veto total do Poder Executivo ao projeto de lei nº 8.699/17, que institui no âmbito do município de Campo Grande o Programa “Cidade Amiga do idoso” e dá outras providências de autoria dos vereadores prof. João Rocha, Valdir Gomes e Enfermeira Cida do Amaral.

Em segunda discussão e votação, os vereadores analisam o Projeto de Lei n. 8.712/18, do vereador Odilon de Oliveira, dispõe sobre a inclusão do nome do cônjuge ou maior de 18 anos que resida com o consumidor nas contas mensais de serviços essenciais, a fim de atestar sua residência.

Também em segunda votação, está na pauta o Projeto de Lei 8.850/18, dos vereadores Odilon de Oliveira e Ademir Santana, que cria o Cadastro Municipal de Violência Contra a Mulher em Campo Grande-MS.

O Projeto de Lei  n. 8.986/18, que altera o artigo 1º da Lei n. 6007, de 23 de maio de 2018, e dá outras providências será apreciado em segunda discussão e votação na sessão de terça-feira. A autoria é do vereador Veterinário Francisco.

Ainda em segunda votação os projetos de Lei n. 8.996/18 e n. 9.019/18. O primeiro alteram  dispositivos da lei nº 6.006, de 17 de maio de 2018, de autoria do vereador Fritz. O segundo de autoria da mesa diretora, vereadores Prof. João Rocha e Carlão, revoga a lei nº 1.960, de 25 de maio de 1981, que declara de utilidade pública municipal o Centro de Recuperação Esperança.

Em primeira discussão e votação, serão analisados três Projetos de Lei. O de nº 8.748/17, dos vereadores Odilon de Oliveira, Ademir Santana e Dr. Lívio, que dispõe da obrigatoriedade de administração pública divulgar em seu site institucional a localização de todos os radares de fiscalização, e os respectivos limites de velocidade.  O de nº 8.968/18, que institui no calendário de comemorações oficiais do município de Campo Grande o Dia Municipal de Combate ao Trabalho Infantil, do vereador Odilon de Oliveira.

Finalizando, outro projeto de lei do vereador Odilon de Oliveira, de nº 8.978/18, que institui no calendário de comemorações oficiais do município de Campo Grande o Dia Municipal do Yoga.

Serviço – A sessão será realizada a partir das 9h no Plenário Oliva Enciso, na sede da Casa de Leis, localizada na Avenida Ricardo Brandão, 1.600, bairro Jatiúka Park.

Sesc Novo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Vídeo: Coringa aciona ANEEL contra Energisa
Política
Reinaldo anuncia replanejamento para estabelecer obras prioritárias
Política
Para Romero, boatos de abuso sexual foram plantados por inimigos
Política
Problemas pelo Brasil estão sendo “mapeados” por ministros, diz Bolsonaro
Política
Confirmado: Simone Tebet vai disputar presidência do Senado
Política
Documentos aumentam dúvidas sobre ameaças à Soraya na campanha de 2018
Política
As razões de Flávio Bolsonaro
Saúde
Alimentar pombos está proibido em Campo Grande
Política
Ademar Capuci entra na disputa para prefeito de Nova Andradina
Política
Reforma da Previdência chega ao Congresso em fevereiro

Mais Lidas

Polícia
Sem ‘lucro’, homem mantinha garotas de programa em cárcere
Polícia
Brasileiro morre em acidente no Paraguai
Oportunidade
Funtrab abre seleção com salários de até R$ 5,9 mil
Polícia
Homem cai de pá-carregadeira e morre esmagado