Menu
Busca sábado, 18 de setembro de 2021
(67) 99647-9098
TJMS setembro21
Política

Votações sobre Fundo de Participação dos Estados e PEC das Domésticas marcam pauta do Senado

25 março 2013 - 10h15Agência Senado

Pendentes desde a última semana, quando tiveram as votações adiadas, o projeto que trata das novas regras de repartição do Fundo de Participação dos Estados (FPE) e a Proposta de Emenda à Constituição das Domésticas voltam a ser analisadas esta semana no plenário do Senado.

O projeto do FPE deveria ter sido votado no dia 19, mas por falta de acordo entre as lideranças sobre o mérito da matéria, apenas um requerimento de urgência foi aprovado. Os senadores reclamavam que não tiveram acesso prévio ao relatório do senador Walter Pinheiro (PT-BA) para analisar a proposta. O parecer foi então apresentado na última semana e disponibilizado para todos os gabinetes, de modo que a votação ficou marcada para esta terça-feira (26).

Também há expectativa de que a PEC das Domésticas seja votada em segundo turno nesta terça. A matéria trata da ampliação dos direitos trabalhistas de empregados domésticos, de modo que eles possam alcançar todos os benefícios dos outros trabalhadores regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). A proposta, aprovada em primeiro turno na última semana, prevê, entre outras coisas, o direito ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e a aviso prévio de 30 dias em caso de demissão não justificada.

Antes que o projeto do FPE e a PEC das Domésticas possam ser apreciados, no entanto, os senadores precisarão destrancar a pauta de votações. A Medida Provisória 586/2012, que trata do pacto para alfabetização na idade certa, tem preferência de votação. O relator da medida, senador Eduardo Amorim (PSC-SE), não havia concluído o relatório até a semana passada, mas a expectativa é que tudo esteja pronto para a votação no início desta semana.

Nas comissões de mérito da Casa, a semana deve ser de intensas discussões sobre o pacto federativo. É o caso dos debates sobre o projeto de resolução que trata da unificação da alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), que está na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), e da Medida Provisória 599, que trata da criação de um fundo de compensação para as perdas que os estados terão com a aprovação da medida.

Além disso, a CAE realiza audiência pública nesta segunda-feira (25) para discutir um novo índice indexador da dívida dos estados. O projeto sobre o assunto ainda está na Câmara dos Deputados, mas os senadores já adiantam o debate ao convidar acadêmicos, secretários de Fazenda e ministros do Tribunal de Contas da União (TCU) para tratar do assunto.

No que se refere a assuntos da área social, a Comissão de Assuntos Sociais (CAS) tem na pauta projeto do ex-senador Demóstenes Torres que estabelece pena privativa de liberdade para usuários de drogas, de modo a permitir a internação compulsória e involuntária deles para tratamento. Na Comissão de Constituição e Justiça pode ser finalmente votado o projeto da senadora Kátia Abreu (PSD-TO) que obriga os estados a cumprir em até 15 dias a reintegração de posse de imóveis rurais determinada judicialmente. No entanto, ainda há impasse sobre a votação do projeto, que pode ser novamente adiada.

A comissão especial que analisa a Medida Provisória dos Portos deve fazer a última semana de debates e audiências sobre o assunto antes que o relator, senador Eduardo Braga (PMDB-AM), conclua seu parecer. Braga prometeu entregar o relatório no início de abril.

Via Agência Brasil

Unica - inverno

Deixe seu Comentário

Leia Também

Vídeos
Vídeo: Ministro da saúde elogia Campo Grande
Política
Vídeo: Tereza Cristina destaca inovação e tecnologia do agro brasileiro na Itália
Política
Kemp fecha acordo e se retrata nas redes sociais
Política
CPI da Covid: Diretor de empresa acusada de prescrever 'kit Covid' depõe nesta quinta
Política
Ministro Dias Toffoli participará de evento no TRE-MS na sexta
Política
Ex-mulher de Bolsonaro é convocada a depor na CPI da Pandemia
Política
Ministro defende aumento "modesto e moderado" para Bolsa Família
Política
Justiça autoriza condução coercitiva de depoente na CPI da Pandemia
Política
Ranking Pesquisas mostra avaliação do Governo MS em Dourados
Política
Para Temer, "presidencialismo no Brasil está esfarrapado"

Mais Lidas

Vídeos
Vídeo: Corna arrasta 'Ruivinha' pelos cabelos após descobrir traição
Geral
Mãe lamenta morte de jovem que bateu em caçamba de entulhos
Geral
Abandonada por amigos em deserto, brasileira morre de fome e sede
Polícia
Idoso de 68 anos toma muito 'azulzinho' e morre em motel