Menu
Busca quinta, 27 de janeiro de 2022
(67) 99647-9098
Sebrae - Evento 50 + 50
Saúde

Campanha termina com 41 mil crianças e adolescentes com vacinação atualizadas em MS

A campanha foi finalizada nesta terça-feira em todo país

01 dezembro 2021 - 18h35Brenda Assis, com assessoria

A Campanha de Multivacinação realizada pela Secretaria de Estado de Saúde (SES) em crianças e adolescentes menores de 15 anos terminou nesta terça-feira (30), após ser prorrogada pelo Ministério da Saúde em Mato Grosso do Sul. Das 64.837 crianças e adolescentes que compareceram às unidades, 41.092 precisaram atualizar a carteira de vacinação sendo que os demais estavam em dia.

Segundo o secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, apesar da campanha ter acabado, os imunizantes ofertados fazem parte das vacinas de rotinas nas unidades de saúde. “Então, mesmo que a campanha tenha terminado, é importante que os pais ou responsáveis levem as crianças e adolescentes para tomarem suas vacinas. Outro ponto é que os pais ou responsáveis também fiquem atentos quanto ao período do aprazamento das doses de vacinas aplicada. Para mais eficiência das vacinas, é preciso que seja respeitada o intervalo entre os imunizantes”.

Para a coordenadora Estadual de Vigilância Epidemiológica da SES, Ana Paula Rezende de Oliveira Goldfinger, a Campanha de Multivacinação deste ano veio justamente para provocar os pais ou responsáveis a procurarem uma unidade de saúde para atualizar a carteira de vacinação. “Quem ainda não levou seus filhos, podem procurar as unidades de saúde para fazer a atualização da carteira vacinal em Mato Grosso do Sul. É muito importante que as crianças e adolescentes tomem as vacinas para evitar que contraiam doenças oportunistas”.

Veja quais são as vacinas disponíveis nas unidades de saúde:

Vacinas disponibilizadas para crianças: BCG; Hepatite B; Rotavírus humano G1P1 (VRH); DTP+Hib+HB (Penta); Pneumocócica 10 valentes; Meningocócica C (conjugada); Febre Amarela (Atenuada); Sarampo, Caxumba, Rubéola (SCR); Sarampo, Caxumba, Rubéola e Varicela (SCRV); Hepatite A (HA); Difteria, Tétano, Pertussis (DTP); Difteria, Tétano (dT); Papilomavírus humano (HPV); Varicela, pneumocócica 23-valente (Pncc 23*) vacina indicada para população indígena a partir dos cinco anos de idade.

Vacinas disponibilizadas para adolescentes: Hepatite B (HB recombinante); Difteria, Tétano (dT); Febre amarela (Atenuada); Sarampo, Caxumba e Rubéola (SCR); Papilomavírus humano (HPV); Meningocócica ACWY (conjugada); Pneumocócica 23-valente (Pncc 23) vacina indicada para população indígena.

Senar - Jan22

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saúde
Dispensa de licitação para transportar doses é questionada pela AGU
Saúde
Argentina desobriga teste PCR para brasileiros vacinados
Saúde
Hospital do Pênfigo instala mais 10 leitos de UTI-Covid
Saúde
Fiocruz aponta piora na ocupação de leitos de UTI por Covid em MS
Saúde
MS bate mais de 3 mil casos de Covid-19 pelo segundo dia consecutivo
Saúde
Anvisa irá analisar informações do Ministério da Saúde sobre autotestes de Covid
Saúde
Quadro de clínico geral é completo em todas as UPAs da capital nesta quarta
Saúde
Capital vacina adultos e crianças de 6 anos nesta quarta-feira
Saúde
Saúde diz que excluirá tabela de documento sobre cloroquina
Saúde
Estado recebe mais 59.620 doses de vacinas pediátricas

Mais Lidas

Polícia
Homem passa mal e morre na casa da mãe
Polícia
Irmãos matam pai a pauladas por acharem que ele matou a mãe deles
Comportamento
Murilo abre mão de bens na divisão do patrimônio de Marília, diz colunista
Polícia
Homem esfaqueado no peito pela esposa no Noroeste morre no hospital