Menu
Busca terça, 02 de junho de 2020
(67) 99647-9098
Saúde

Capital terá quatro novas Clínicas da Família

Pelo menos três unidades de cada distrito e a UBS 26 de Agosto funcionarão com horário estendido

02 janeiro 2019 - 10h42Da Redação com Assessoria

Quatro novas Clínicas da Família e outras cinco Unidades Básicas de Saúde da Família (UBSFs) devem ser inauguradas em Campo Grande neste ano, além do início do funcionamento em horário estendido de pelo menos três unidades de cada distrito. 

Segundo o secretário municipal de Saúde Marcelo Vilela, o objetivo é ampliar ainda mais a cobertura e expandir os serviços,  a fim de desafogar as unidades de urgência e emergência e garantir o acesso à população.

“Fortalecendo a Atenção Primária nós estamos promovendo uma mudança de modelo na saúde pública de Campo Grande que hoje é de urgencialização. Oportunizando o acesso e melhorando a qualidade de atendimento com certeza teremos um reflexo positivo imediato e um ganho significativo a médio e longo prazo”, enfatiza.

Dentro do planejamento de expansão para o ano de 2019 estão previstas a conclusão e entrega de cinco novas UBSFs nos bairros: Zé Pereira, Cristo Redentor, Arnaldo Estevão de Figueiredo, Aero Rancho – Granja e Jardim Presidente.

A reforma  das unidades Santa Carmélia, Itamaracá, Maria Aparecida Pedrossian (MAPE), Iracy Coelho, Serradinho, Vila Nasser, Marabá, Aero Rancho, Coophavilla, Cohab e Jardim Noroeste e a ampliação das UBSFs Mato do Jacinto, José Abrão, Bonança, Silvia Regina e Cidade Morena devem ser concluídas no próximo.

“Isso faz parte desse planejamento que vem sendo construído desde o ano passado. Além de concluir as obras de construção de unidades que estavam paradas desde 2012, nós tivemos a preocupação de melhorar a estruturas das já existentes para garantir mais comodidade ao paciente e também ao servidor”, comenta Vilela.

Clínica da Família

Conforme o secretário, em 2019 quatro regiões de Campo Grande devem ser unidades certificadas como Clínica da Família. O processo de transformação de adequação de fluxo de trabalho, a exemplo do que aconteceu na UBSF Nova Lima, onde hoje funciona a primeira Clínica da Família, já foi iniciado na UBSF Portal Caiobá e a previsão é de que até o fim de janeiro a unidade se torne uma Clínica da Família.

“Dentro do nosso planejamento nós iremos entregar as quatro clínicas em 2019 e até 2020 as sete regiões urbanas de Campo Grande terão uma unidade modelo”, diz.

Horário estendido       

Três unidades de saúde de cada distrito, mais a UBS 26 de Agosto (Central) passarão a funcionar com horário estendido das 07h às 19h ininterruptamente. Está previsto ainda a realização de concurso público para contratação de pessoal na área da saúde com 500 a 800 vagas somente para médicos.

Avanços

Além de ampliar a cobertura da Estratégia de Saúde da Família no ano de 2018, três novas unidades de saúde foram inauguradas: UBSF Azaléia, UBSF Vila Cox e UBSF Oliveira, além da primeira Clínica da Família, ampliando assim a capacidade de atendimentos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saúde
Em três meses, corona já matou mais que várias doenças em todo 2019
Saúde
“Venezuelana morta por coronavírus estava há 14 dias com sintomas”, diz Hospital
Saúde
Coronavírus: Prefeitura realiza blitz sanitárias educativas contra pandemia
Saúde
Junho começa com 79 novos casos no MS e Dourados pode se tornar epicentro
Saúde
Três UPA's atendem com 16 pediatras nesta manhã de segunda
Saúde
Com quase 502 mil casos de coronavírus, Brasil tem 28.872 mil mortos
Saúde
Com morte na capital, MS chega ao 20º óbito por coronavirus
Saúde
Campo Grande registra a 7ª morte por coronavírus
Saúde
Oito pessoas morreram por infecção de influenza no Estado
Saúde
Unidades promovem ações em alusão ao Dia Mundial Sem Tabaco

Mais Lidas

Polícia
Família busca por homem que desapareceu no Rita Vieira
Brasil
Mandetta quer mudar ou sair de "quarentena"
Cidade
Grupo antifascista organiza protesto em Campo Grande
Geral
Mapa do Feminicídio é lançado nesta segunda e mostra dados alarmantes